Desafio Literário de Férias: RESENHA#3: O Conde de Monte Cristo, Alexandre Dumas*PARCERIA

Desafio Literário de Férias: RESENHA#3 (Blog Doce Encanto
e
Um Desafio realmente desafiante: RESENHA#1 (Blog Silêncio que eu to lendo) - Livro de Janeiro: Ler um livro de um autor Europeu (Alexandre Dumas era francês)



Sinopse - O Conde de Monte Cristo - Alexandre Dumas


O futuro do jovem marinheiro Edmond Dantés parecia promissor. No entanto, a conspiração de três inimigos invejosos ocasionou sua prisão por catorze anos. O que ninguém esperava era que ele conseguiria sair da prisão, com uma sede de vingança que não pouparia nenhum dos responsáveis pela sua tragédia.


Comentários:


A pouco tempo assisti uma prévia de uma entrevista da atriz Emily VanCamp, protagonista da série Revenge. Para quem não sabe, a série é baseada livremente no livro "O Conde de Monte Cristo", onde a busca por vingança se torna a verdadeira protagonista. Essa série demonstra o valor que um clássico possui. Talvez o personagem de Edmond Dantés seja aquele que mais influência exerceu nos protagonistas de filmes, novelas e romances contemporâneos. Um homem acusado injustamente de um crime que não cometeu, obrigado a passar vários anos na cadeia. Durante esse tempo, ele fomenta a vingança contra os seus algozes. Mesmo diante de uma premissa utilizada largamente, as pessoas ainda se sente muito envolvidas com uma injustiça. Isso torna a vingança algo justificável, do ponto de vista moral.  É como se todos que estivessem de fora dissessem em coro: Você pode fazer isso! Devolva o mal que lhe foi dado! 


Os estudiosos da obra de Alexandre Dumas concordam que Dantés seja um personagem forjado na dor e na agonia, que renasce quando ele encontra meios para se vingar de seus inimigos. O grande mérito da obra é fazer você se envolver a ponto de torcer por Edmond, e acreditar que o que ele faz é algo legítimo, que precisa ser feito. Quem aqui nunca quis se vingar? Tudo bem, não é politicamente correto admitir isso, afinal de contas, somos pessoas de corações puros, isentas de defeitos, que sempre que podemos, damos a outra face (nem minha sobrinha de 2 anos acreditaria nisso, mas a gente finge). Mesmo sendo pessoas maravilhosas, incapazes de  tal ato,  não acreditamos que o que Dantés faz o torna um monstro. Na verdade, o deixa mais humano do que nunca. Assolado por um sentimento que o destrói, ele acredita que através da busca pela desforra, ele terá a paz que lhe foi arrancada. Mas o Conde de Monte Cristo não se restringe só a vingança. Somos confrontados com a traição por parte do juiz de Villefort, Danglars e Mondego, todos acreditando que Dantés é um empecilho para a ascensão a qual eles tanto almejam. A ambição é que dita as regras nesse caso. Não há como se proteger diante da emboscada que esses vilões armam para ele. Edmond sofre todos os infurtúnios e, mesmo buscando vingança, não encontra a paz de espírito que tanto necessita para seguir em frente.  Na verdade, os únicos momentos que percebemos como sendo de sanidade e de alivio, é quando ele decide perdoar. Isso não ocorre facilmente, mas é interessante notar todas as nuances desse romance imperdível de Dumas


Não preciso nem dizer que sou fã de carteirinha da obra de Alexandre Dumas. E já faz um bom tempo que busco uma tradução que respeite tal obra em sua essência, e acredito que a Martin Claret conseguiu isso. A estória aqui é dividida em duas partes, então, para  saber o desenrolar da trama, é necessário adquirir o volume II. O Volume I nos foi enviado pela editora, mas o volume II eu não resisti e acabei comprando. Eu não ia aguentar esperar para ler o desenrolar da estória (até parece que eu nunca li esse livro). A Martin Claret tem preços bem acessíveis e mostra que os clássicos de verdade nunca morrem. Eles hibernam por um tempo, e  voltam mais fortes do nunca. Ler "O Conde de Monte Cristo" nos coloca em um patamar elevado dentro da Literatura. É beber de uma fonte inesgotável de conhecimento, demonstrando que um bom romance sempre vive para aqueles que se  propuserem a ler. 


"Um romance do Destino. Vítima e vingador, Edmond Dantés, o personagem central, encarna ele próprio, o destino. A história de um homem bom a quem roubam a liberdade e o amor. No cativeiro trava amizade com o abade Faria, que lhe oferece ajuda para a fuga. Um homem que regressará coberto de riquezas, vingador impiedoso, para além de toda a lei humana ou divina."


A. Dumas. O Conde de Monte Cristo. Editora Martin Claret.


Elimar

12 comentários:

  1. Resenha mais que perfeita! Estava precisando mesmo de alguns títulos clássicos para colocar na minha lista de compras, só espero que esse não tenha uma linguagem muito difícil ou uma trama complicada de entender, porque para ser sincera eu ainda sou meio leiga quando se tratam de clássicos :/

    Mas me parece ser uma obra riquíssima! Com certeza irei ler :)

    Abraços,
    http://leitorasanonimas.com

    ResponderExcluir
  2. Tenho que te confessar que nunca li O Conde e Monte Cristo, mas tenho vontade. Adorei a resenha!
    Tbm to participando do "Um desafio realmente desafiante", mas to atrasada na minha leitura, acho que nem vai da tempo postar a resenha até amanhã =(

    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Olá, td bem? Achei o seu blog super fofo ainda mais por estar falando de livros tão bons. Já estou seguindo e gostaria de ter a honra de ter vc como um de meus seguidores. Obga e sucesso! Parabéns!
    Adriana Souza
    http://umbestsellerchamardemeu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Olá, querida! Passando pra conhecer o seu cantinho... Adorei, muito legal. Já to seguindo!
    Aproveito p te convidar a conhecer o Vou-de-Blog (sou os números 1040 e 1041 nas Blogueiras Unidas) e a participar do sorteio q estou promovendo em parceria c o blog Território das Garotas: http://voudeblog-promos.blogspot.com/2012/01/sorteio-em-parceria-com-o-blog.html

    Bjinhos.
    Lu
    www.voudeblog.com

    ResponderExcluir
  5. Amei o post!!

    Sucesso!!

    http://sublimeperfumes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. seguindo querida


    www.senhoritaperfeita.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Adorei seu blog!!! Já vi o filme, gostei muito. Estou seguindo vc tb! http://belezanomaniacas.blogspot.com Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Oie, sou lá do grupo de blogueiras do facebook!
    To seguindo o blog, retribuindo a vc!

    Obrigada!

    Bjocas
    @jamilleks
    http://achadosedetalhes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Oi flor te vi na liga das blogueiras e faço parte das blogueiras unidas e adorei conhecer seu blog,muito boa a Sinopse,seguindo o teu blog e te convido para conhecer meu cantinho e se gostar me siga tbm,será um prazer ter vc lá,bjus
    http://blogdasonhagleide.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Olá! Temos o prazer de lhe convidar, a conhecer o novo Agregador de Links da web http://nabocadosapo.com.
    Venha nos dar o prazer de ter sua presença.
    Não deixe de visitar a seção “Parceiros” - http://nabocadosapo.com/parceria e aumente suas visitas. Confira as vantagens.
    Na Boca do Sapo – Mais visitas para a sua página
    Desde já agradecemos por sua atenção!

    ResponderExcluir
  11. Oh linda não que vc tá lá,aff acho que ceguei,desculpa,flor quando for colocar faça devagar e com calma que tudo vai dar certo e vc vai ficar linda e maravilhosa,bjus
    http://blogdasonhagleide.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Amo a história de O Conde de Monte Cristo, é incrível, há pouco era muito difícil conseguir encontrar os livros, e recomendo a edição definitiva da Editora Zahar, é muito linda, mesmo! Vem em uma caixa, tem várias notas. =)

    Beijos, volto para acompanhar as resenhas ^.^

    ResponderExcluir

Faço parte das...

Google+ Followers

Networkedblogs

Views

HOTWords