[Resenha] O Sussuro mais sombrio: Gena Showalter!


O Prazer mais sombrio
Série Senhores do Mundo Subterrâneo
Livro 3

Sinopse:

Há milênios, quando os deuses habitavam o mundo, doze gregos foram condenados a carregar por toda a eternidade os espíritos malignos que libertaram da caixa de Pandora. Agora, eles precisam encontrar a única relíquia capaz de dar fim a seu sofrimento... ainda que possa destruí-los. Guardião de Dor, Reyes enfrenta um dilema mais dilacerante do que as garras de seu demônio. Embora desejasse Danika Ford, uma humana comum, ele deveria escolher entre o seu amor e a lealdade a um dos guerreiros acometidos pela maldição: Aeron, guardião de Ira, a serviço dos deuses para aniquilar Danika e toda a sua família. Se Reyes permitisse que Aeron cumprisse sua missão, perderia a única mulher capaz de proporcionar um prazer maior do que a dor. Entretanto, ao neutralizar seu companheiro, Reyes abrira uma brecha para que Danika fosse capturada pelos Caçadores, cujos planos eram torná-la uma Isca. Agora, deverá arriscar a própria alma para salvá-la. Ainda que estranhe o fato de os deuses desejarem a eliminação de uma mera mortal.


Comentários:


Livro três da Série Senhores do Mundo Subterrâneo. Aqui, ficamos conhecendo mais a fundo (e bota fundo nisso) o Guardião da Dor, um TDB Reyes. Desde o primeiro livro, vemos uma tensão existente entre Reyes e Danika, que fora levada juntamente com sua família para o castelo dos Senhores para serem protegidas, só que naquele momento, elas não sabiam disso. Reyes sente uma estranha atração por essa loirinha petulante e valente, que luta contra a situação que lhe foi imposta. Tendo que cumprir uma ordem de Cronos, Aeron, o Guardião da Ira, se vê obrigado a matar Danika e sua família. Não querendo matá-las por serem inocentes, Aeron pede para ficar preso numa masmorra, acorrentado, tendo que lutar com seu Guardião, que a cada dia lhe oprime para que ele cumpra essa ordem. Aí se desenrola uma grande tensão entre os personagens, que tem algo para fazer, mas que lutam para fazer aquilo que consideram certo. Tanto Reyes e Danika lutam contra o sentimento que tem um pelo outro, mas não se permitem ficar juntos. Reyes tem medo de corromper a alma de Danika, já que só consegue ter prazer através da dor. Danika, sem saber desse dilema, não quer ter ligação com alguém que acredita ser seu inimigo, porém, não consegue resistir a essa atração enlouquecida que sente por seu algoz. Vivendo de maneira clandestina, fugindo dos Senhores, Danika acaba sendo encontrada pelos Caçadores, e convencida a ser capturada, para conseguir informações para assim, salvar sua família (pelo menos é o que achava). Junto a Reyes, ela não consegue cumprir essa tarefa, pois percebe o tamanho do sacrifício que Reyes faz para protegê-la, tendo que escolher entre a vida dela e a vida de seu irmão Aeron. O sofrimento de Reyes é tamanho que ele consegue ficar sem se machucar, tamanha a dor que sente diante dos acontecimentos. Nesse livro, vemos Paris pedir a ajuda dos deuses para recuperar Sienna. Cronos lança um desafio, por assim dizer, a Paris, que terá que escolher entre Aeron e Sienna, o alvo de sua paixão. Deu pena do cara! Estou curiosa para saber como a autora vai solucionar esse nó. Não preciso dizer que amei! O amor que Reyes sente por Danika é tão forte que ele está pronto a perder a própria vida para que ela permaneça viva. Agora, vocês por favor me deem licença, porque eu vou correndo ler o quarto livro dessa série MARA...

Beijos!



Elimar

2 comentários:

  1. Esta série é d+ mesmo, difícil escolher qual o melhor TDB. Reyes e Danika são apaixonantes e ten cada cena...
    Quem não conhece não sabe o que esta perdendo.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  2. Uauu deve ser ótimo esse livro, adorei sua resenha!

    ResponderExcluir

Faço parte das...

Google+ Followers

Networkedblogs

Views

HOTWords