[Resenha] Starters: Lissa Price!


Sinopse: Seu mundo mudou para sempre.
Callie perdeu os pais quando as guerras de Esporos varreu todas as pessoas entre 20 e 60 anos. Ela e seu irmão mais novo, Tyler, estão se virando, vivendo como desabrigados com seu amigo Michael e lutando contra rebeldes que os matariam por uma bolacha.A única esperança de Callie é Prime Destinations, um lugar perturbado em Berverly Hills que abriga uma misteriosa figura conhecida como o Old Man. Ele aluga adolescentes para alugar seus corpos aos Terminais — idosos que desejam ser jovens novamente. Callie, desesperada pelo dinheiro que os ajudará a sobreviver concorda em ser uma doadora. Mas o neurochip que colocam em Callie está com defeito e ela acorda na vida de sua locadora, morando em uma mansão, dirigindo seus carros e saindo com o neto de um senador.Parece quase um conto de fadas, até Callie descobrir que sua locatária pretende fazer mais do que se divertir — e que os planos de Prime Destinations são tão diabólicos que Callie nunca podia ter imaginado…

Comentários:


Mais um livro de distopia! Eles estão na moda ultimamente, se vocês repararem! Parece que todo mundo está esperando uma catástrofe eminente! Deus me livre! Mas graças a São George Orwell, tem surgido coisa boa por aí! Esse é o caso de "Starters", da escritora Lissa Price, até então desconhecida para o público brasileiro. Logo de início, ficamos conhecendo Callie, uma jovem de 16 anos que perdeu os pais após uma epidemia causada por uma guerra que matou toda a população intermediária do mundo, ou seja, pessoas entre 20 e 60 anos. Agora, o mundo é habitado por crianças, adolescentes e idosos. Mas não são qualquer idosos. São velhos de 100, 200 anos! O negócio é feio mesmo por lá, já que esses velhinhos são uns catiços! Vivendo na rua com seu irmão e o amigo Michael, Callie fica sabendo de um lugar que pode ser a sua salvação e a de seu irmão, que está doente e precisa urgente de um tratamento. O tal lugar é Prime Destinations, uma organização que aluga os corpos dos adolescentes para que os velhos possam ter momentos de juventude novamente! O negócio é bizarro mesmo, mas nossa heroína precisa da grana. Ela passa por um processo de embelezamento surreal, onde sua pele é tratada, suas sardas naturais desaparecem, e seu cabelo ganha ares de diva. Ela passa por duas experiências bem sucedidas e tem a "proposta" de ficar mais um mês nesse "sono" sem sonhos. No início a dúvida a corrói, mas a necessidade fala mais alto. Ao aceitar, Callie acredita que só acordará daqui a um mês, com dinheiro suficiente para comprar uma casa e pagar o tratamento do irmão. O lance é que Callie acorda do nada, no meio de uma danceteria, com um monte de adolescentes ricos, sem saber o que tinha acontecido. Sem rumo, Callie resolve voltar a Prime Destinations para consertar o problema, mas eis que uma voz surge na sua cabeça dizendo que ela não deveria ir até lá, pois seria perigoso. De quem seria aquela voz? Porque voltar para a Organização seria tão perigoso? Essas são algumas perguntas que ela não sabe responder, mas o medo é tão grande que ela não sabe o que pode ser feito para remediar a situação. Em meio a essa crise, ela conhece Blake, um adolescente rico que logo se torna um alívio em meio a tantas desventuras. Cara, minha resenha vai ter que ser super genérica, porque se eu falar mais, acabo soltando algum spoleir, e sei que muita gente detesta isso. Só posso dizer que valeu muito a pena. Um livro para todas as idades, que vai fazer você torcer por Callie, e ficar no desespero para ler a continuação!


Lissa Price estudou Fotografia e Escrita, mas o mundo acabou sendo seu melhor professor. Ela passeou com elefantes em Botswana, nadou com pinguins em Galápagos e ficou em um campo rodeada de nômades em Gujarat, Índia. Ela foi cercada por búfalos Cape furiosos na África do Sul e cantou um refrão silencioso com cem belugas da costa de Oahu. Ela dançou na cabanas em casamentos na Índia e tomou chá com a socialite viva mais famosa de Kyoto. Quando ela se sentou para escrever, descobriu que as viagens mais surpreendentes ainda estavam em sua mente. Ela mora perto das montanhas da Califórnia do Sul com seu marido. Visite seu site: www.lissaprice.com.

E aí? Vamos ler? 

Elimar

6 comentários:

  1. Logo, logo vou ler este. A onda distópica veio com toda força, cada livro aborda um tema diferente, mas sempre permeado catástrofes.

    ResponderExcluir
  2. Eu preciso começar a ler este livro,várias resenhas boas indicando.. fico morta de vontade.

    Ahh as séries,a gente lê,se identifica com o livro e fica desesperada pelo próximo.. essa é a nossa doce amarga vida!!!

    bjss

    Bianca

    http://www.apaixonadasporlivros.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Estou lendo esse livro, Eli.
    Por enquanto estou achando o início meio confuso, mas estou começando a me localizar!
    Acho que vou gostar, hein!

    Bjs
    Bia

    ResponderExcluir
  4. Oi Eli!!! Confesso que não li toda sua resenha, pq esse é um dos próximos livros que vou ler e quero a maior surpresa possível.
    Mas adorei saber que vc curtiu e recomenda.
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Esse também é um dos próximos a ser lido e espero gostar tanto quanto você. Adorei a resenha. Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  6. Amiga, senti td isso que vc descreveu lendo o livro, ele realmente é muiotoooooo bom, fiquei super doida lendo esse livro e nao imaginava que fosse gostar tanto..

    beijoss
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Faço parte das...

Google+ Followers

Networkedblogs

Views

HOTWords