[Resenha] Maçãs Envenenadas: Lily Archer



Sinopse:

O que Alice Bingley-Beckerman, Reena Paruchuri e Molly Miller têm em comum é que todas são enteadas de madrastas horríveis, perversas e cruéis.E nenhuma delas vive feliz com essa situação. Embora pareça improvavel que sejam amigas, esse problema em comum poderá provar o contrário. Para impedir que os pais continuem enganados com as escolhas amorosas, as meninas se transformarão nas "MAÇAS ENVENENADAS'.

Comentários:

Sabe aquele livro ultra fofo, que a gente lê num pulo só quando começa? Que faz a gente ficar com um sorriso bobo no rosto? Pois é... Só eu sei a dificuldade que tenho de encontrar algo assim. Recebo inúmeras indicações, mas sempre fico com o pé atrás, porque nem sempre a premissa é verd
adeira. Já tinha visto algumas meninas comentando sobre esse livro, mas ainda não tinha sido fisgada totalmente. Quando a Fernanda da Galera Record nos enviou a possibilidade de resenhar esse livro, finalmente resolvi dar uma chance. Só posso dizer que estou arrependida por eu mesma não ter comprado e lido esse livro antes. Molly Miller, Alice Bingley-Beckerman e Reena Paruchiri são três meninas que, a princípio, não seriam amigas. Com personalidades completamente diferentes, atitudes distintas no que tange suas escolhas pessoais, essas três adolescentes se descobrem amigas em meio a uma situação em comum: todas ganharam madrastas recentemente. Mulheres que, de uma forma ou de outra, acabaram se tornando os seus maiores martírios, transformando suas vidas num verdadeiro inferno. Todas elas vão parar num colégio interno, e lá, resolvem fundar um grupo secreto, chamado de "Maçãs envenenadas", onde pretendem agir contra a tirania imposta por suas madrastas. Claro, que, nesse meio tempo, elas se apaixonam, se decepcionam, choram, brigam, fazem as pazes, ganham valores não conhecidos... Elas amadurecem enquanto vão se adaptando a nova realidade. Com uma narrativa que flui com uma rapidez espantosa, Lily Archer (não conhecia seu trabalho até então) nos leva a vivenciar novamente a adolescência, de um jeito único e divertido. Conseguimos vislumbrar a tristeza das meninas, sabendo que essa fase ruim é somente uma fase, e que as coisas boas nunca tardam a acontecer, se acreditarmos de verdade nisso. Se você é adolescente, e tem entre os seus 14 e 15 anos, ler esse livro vai ser um alívio. Você vai entender que muitas coisas que estão acontecendo com você, acontecem com várias meninas no mundo todo. Mas se você é uma adolescente como eu, que já passou dos 15 faz um tempinho, leia esse livro também, e relembre aqueles momentos dramáticos que acreditávamos que nunca passariam. Toda "adolescente" deveria ler esse livro. Sejam as reais ou as "eternas".

Elimar

10 comentários:

  1. Nossa amiga, que resenha fofa! Deu pra sentir o quanto você gostou do livro. Você acha que seria legal comprar ele pra Ingrid? Aguardo sua opinião. Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  2. Sabe que eu não tinha me animado a ler esse livro?
    Sua resenha me despertou a vontade! Aff, lá vai mais um para a lista!
    Bjks

    ResponderExcluir
  3. Nossa Elimar, que delicia de resenha. Lendo dá pra ver seu carinho pelo livro. Tenho uma menina de 10 anos, acho que vou ver pra ela. bjs
    Eykler
    www.aghridoce.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Eli!!!
    Adorei sua resenha!!
    O que mais gosto de lembrar da fase adolescente é como tudo é imenso, intenso.
    Quando amamaos, amamos demais e é como se fossemos morrer sem esse principe.
    Quando odiamos e para vida todo, mas ao passar um tempo percebemos que a vida toda é muito tempo.
    Acho que essa leitura deve ser memso muito boa.
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Eli esse é um dos livros da imensa lista dos desejos, soube que ele será adaptado para o cinema. Sua resenha só me faz queré-lo mais. trabalho com adolescente e me sinto na obrigação de ler alguns livros e indicá-los. Espero adquiri-lo breve. Valeu.

    ResponderExcluir
  6. Ai to aqui feito boba me imaginando voltando a adolescência ao ler esse livro,adorei a resenha e consegui sentir exatamente os sentimentos fofos e gostosos que você sentiu ao ler,estão todos exalando da resenha...
    Histórias assim são realmente difícies,pois a autora emocionar uma adulta,vivida com uma história adolescente só pode significar um ótimo trabalho.. vai para lista e eu agora estou sentimentos controversos a você querida Elimar,que vai me fazer comprar mais um livro... heheheheh

    mais uma vez mestra,parabéns pela resenha!!!

    leve,simples e passando tudo o que você sentiu no livro.

    aproveita que já que escreveu essa maravilhosa resenha e me deixou doida com vontade de ler,me dá ele de presente!!!

    kkkkkkk

    bjss

    Bianca

    www.apaixonadasporlivros.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi Elimar! Que resenha linda, você sempre consegue passar as emoções que o livro causou em você. Eu também não dava muita coisa por ele não, mas agora fiquei encantada, e quero ler.
    Parabéns pela resenha.
    Bjos!
    Cida

    ResponderExcluir
  8. Meninas, obrigada pelo carinho. Lia, a Ingrid ia adorar, tenho certeza. E você também... Considero o livro radiante para todas as idades... BJS!

    ResponderExcluir
  9. Parece realmente ser um livro fofo... condesso que não tinha dado muita bola para ele até agora, mas essa resenha me fez mudar de idéia!!

    beijos,

    ResponderExcluir
  10. QUE RESENHA LINDA E MARAVILHOSA, NÃO DAVA NADA PELO LIVRO, OLHANDO AGORA JÁ AMEI A CAPA, E O ENREDO, E LER SUA RESENHA SÓ ME FEZ DESEJAR LER O LIVRO E VOLTAR PARA MINHA ADOLESCENCIA TB ^^

    BJS
    http://www.dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Faço parte das...

Google+ Followers

Networkedblogs

Views

HOTWords