[Resenha] Hotter than Wildfire (Mais quente que o Fogo): Lisa Marie Rice!


Sinopse:

O mundo a conhecia apenas como Eve... Apesar de suas canções venderem milhões, ela é um enigma, um mistério fascinante. Mas para o ex-agente Delta Force Harry Bolt, ela é um anjo cuja voz rouca e sensual, o trouxe de volta à vida após o pesadelo do Afeganistão. Nada mais importa. E agora essa bela mulher amedrontada e desamparada caminhou até a porta de sua empresa de segurança particular, em San Diego, fugindo de algo secreto, algo mortal... e Harry soube imediatamente que essa é a mulher que o salvou. Ele é a última esperança para esta sereia excitante e sem passado. Nem mesmo em seus sonhos mais quentes ele imaginou que Eve poderia ser tão tentadora, tão dolorosamente desejável. Mas, embora ela queime por perder-se nos poderosos braços de Harry, Eve é cautelosa ao confiar neste duro e preocupado ex-soldado que promete protegê-la. A rendição pode significar um doce êxtase ou a morte certa. Ela pode abrir o seu coração, mesmo que isso signifique arriscar sua própria vida?

Comentários:

Depois de ler o primeiro da série (clique aqui e descubra o que achei), é claro que eu tinha que continuar a trilogia, e conhecer um pouco mais do "irmão" do Sam, Harry, que não é o Potter, mas sabe fazer uma mágica... Só Deus para me acudir nesse momento de desespero e deleite. Eu achei que seria impossível superar o Sam nessa trilogia. Eu estava enganada. Harry conseguiu um lugar cativo no meu coração. Que homem é esse gente? Mas não vou me ater somente ao lado "Caliente" da estória. A trama começa ultra triste, mostrando uma realidade que é comum em vários lugares: o abandono de menores! Harry nos é apresentado quando tem apenas 12 anos, e se vê forcado a cuidar de sua irmãzinha Crissy, que tem 5 anos. A mãe de ambos é viciada, e tem um namorado violento, que não suporta as crianças. Depois de conseguir roubar uma boneca para a irmã e conseguir comida para "comemorar" a ação de graças com Crissy, Harry se vê em meio a mais um acesso de fúria do namorado de sua mãe, que entra em paranoia  acreditando que o menino esconde dinheiro dele. Em meio ao caos, o tal namorado mata a mãe de Harry, quebra o braço de Crissy e a joga contra a parede, além de quebrar as duas pernas de Harry. Mesmo caído, Harry consegue reagir e acaba por matar o desgraçado, mas as marcas deixadas por esse ato violento, o acompanham na idade adulta. Ele é uma alma atormentada, que foi resgatado por seus irmãos de criação, Sam e Mike. Vinte anos depois, Harry é um dos sócios da empresa RBK, e se recupera de uma "visita" ao Afeganistão, que quase o matou. As únicas coisas que o mantiveram vivo foi a insistência de seus irmãos, a voz da cantora desconhecida Eve. Ouvi-la fazia com que Harry se sentisse melhor. Um dia, uma mulher adentra seu escritório. Ela está fugindo seu patrão, um homem perverso que quer vê-la morta, por achar que ela sabe dos golpes que ele deu no governo dos Estados Unidos (o cara roubou 20 milhões dos cofres estadunidenses). Fugindo a mais de um ano, Ellen se escondeu como pode, trabalhando como garçonete em bares de aparência duvidosa, e uma clientela pra lá de estranha. Ela resolve procurar a empresa de Harry após saber através de uma amiga que eles ajudam mulheres em dificuldade. Harry fica encantado de cara por essa mulher fragilizada, que busca por refúgio, e, quem sabe, alguém para confiar. O que Harry não sabe é que diante de si está a sua salvadora. Aquela que através da sua voz, o tirou das trevas, dando-lhe um fio de esperança para continuar vivendo. Nem preciso dizer que amei o livro não é? Romântico, Hot e com uma ótima trama policial. As cenas entre os dois é para fazer o coração bater mais rápido (vou logo avisando), então, não percam a chance. Se puderem leiam. A Eykler do blog Agridoce me indicou e eu fiquei enlouquecida. Fique você também... 

Elimar

P.S.: Já comecei o terceiro e tem uma surpresa muito legal para quem virar fã do Harry. Só lendo para saber....

9 comentários:

  1. Elimar... amiga essa série é tudo de melhor. Falei que era impossível se manter fiel ao Sam, depois de conhecer Harry. Acho que eu nunca li um livro com um começo de história tão triste. Amo de paixão os protetores. Toda mulher tinha que ter o direito de ter um homem assim na vida. bjs
    Eykler
    www.aghridoce.blogspot.co.br

    ResponderExcluir
  2. ADOREI!
    É por essas e outras coisas que eu PRECISO de um E-Reader. Vou ver se Papai Noel é generoso comigo hahaha

    Bjks

    ResponderExcluir
  3. Vocês gostam mesmo de fazer a gente pirar na batatinha nè? Que quentura é essa gente. òtima resenha Eli.

    ResponderExcluir
  4. Como vc faz uma resenha dessa?
    Deixa agente louca de curiosidade.. :(
    A capa desse livro é linda e fiquei bem curiosa mesmo,
    mais infelizmente minhas verbas estão esgotadas..
    Quem sabe mais pra frente.. daqui a 5 meses.. hehe

    beijos
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Hum fiquei curiosa agora pra ler esse livro.
    seguindo pode retribui?
    http://purocaprichoo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Oi, Elimar, quanto tempo, amiga! Vc sumiu, te achei no blog por uma pesquisa Google, rss...

    Preciso conversar com vc sobre várias coisas. Agora queria te convidar para participar de uma campanha em prol de autores nacionais: Tem um meme lá no blog para você, que sempre incentivou tanto nossa literatura!

    http://romance-sobrenatural.blogspot.com.br/2012/11/meme-e-selo-em-prol-dos-autores.html

    Bjoss!

    ResponderExcluir
  7. oi Elimar!!!

    otima resenha, amei
    não conhecia esse livro

    http://www.lostgirlygirl.com

    bjos

    ResponderExcluir
  8. Eu ainda não li estes livros, mas tenho certeza que vou gostar... Sua resenha me deixou mega curiosa... Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  9. Você foi MUITO má!!
    que resenah é essa?
    Eu quero. Eu quero. Eu quero.
    bjs

    ResponderExcluir

Faço parte das...

Google+ Followers

Networkedblogs

Views

HOTWords