Roubar resenha é fácil, quero ver escrever...

Ao entrar no Facebook essa semana, fiquei simplesmente estarrecida com um ocorrido: haviam copiado na cara dura uma resenha da Gabi Laganowski, dona do blog Ilusões Noturnas. Ficamos todas de queixo caído com a cara de pau da pseudo-blogueira, que não só não deu os créditos devidos, como também copiou várias resenhas de outras blogueiras, como da Mathilde do blog Envenenadas pela maçã. Rolou o maior debate sobre a menina  que, segundo consta no blog, têm apenas 14 anos. Fiquei muito preocupada quando soube da situação, e também por saber da suposta idade da blogueira, que poderia reverter o ocorrido de modo que a Gabi e nós que a apoiamos, fossemos consideradas as vilãs dessa novela mexicana dos anos 80. A tal menina não se pronunciou em nenhum momento, mas uma amiga dela veio soltando disparates por todos os lados, tentando justificar o injustificável. Aliás, chegamos a questionar também se essa amiga não seria a própria blogueira, já que ela surgiu do nada defendendo a "amiga" e ofendendo as amigas da Gabi, que têm deixado recados a ladra de resenhas, mas sempre mantendo o respeito e a classe, que é próprio de todas nós. Depois de muito matutar sobre o tema, fiquei imaginando o que se passa na cabeça de uma criatura que copia uma resenha e publica no seu blog como se fosse original. Porque várias foram as desculpas dadas para o tal feito. Uma delas é que foi pedido para "amigas" fazerem resenhas para ajudar a tal menina, e que a tal não sabia que as mesmas haviam sido copiadas (ah vá...). Em outro momento a "amiga da onça" disse que tudo que estávamos reclamando era de um grande exagero, e que não era para tanto. As vezes quando eu digo aos outros que tenho um blog, eles não fazem ideia do trabalho que ele demanda. Eu trabalho, estudo, leio, saio com meus amigos, faço "n" coisas, e ainda me dedico ao blog. São horas fazendo divulgação, escrevendo resenhas, buscando imagens, tirando fotos, fazendo promoções... Dá um trabalho do cão fazer isso. Mas porque eu faço? Porque eu amo! Simples assim. Não ganho um centavo, mas não é por causa de ganhos futuros que me dedico ao blog. É pelo prazer de ter um espaço onde expresso o que sinto sobre meus livros favoritos, sobre as estórias que mexeram comigo e os futuros lançamentos que me deixarão um pouco mais pobre... Achar que copiar uma resenha de alguém não é nada demais não é somente um cúmulo, como também e desconhecer a lei. Plágio é crime, passível de um processo, que trará tanta dor de cabeça para quem cometeu o ato, que ele vai ter que tomar muito doril para ver a dor passar. Minhas resenhas são muito meia boca, se comparadas a tantas blogueiras maravilhosas que temos na blogsfera, mas mesmo assim, as defendo com unhas e dentes. Se eu as visse em outro blog, ia dar um ataque de proporções mundiais, exigindo a retirada imediata da minha resenha naquele espaço... Mas, e quando a pessoa não faz isso? A resenha continua lá, sendo lida por outras pessoas, que desconhecem o fato? O que fazer? Denunciar é o caminho, mas só isso não adianta. É importante que a gente mantenha a blogsfera unida, sempre a caça desse tipo de gente, que, incapaz de sentar e fazer suas próprias impressões sobre um livro, vasculha o blog dos outros, achando que ninguém vai notar. Entrou na chuva é para se molhar filha... Escreva! Se não estiver boa, revise, peça para os seus amigos lerem, publique a resenha mesmo assim. A prática vai te fazer melhorar, acredite... Todo mundo precisa dar o pontapé inicial. Agora, se você decidir ir pelo caminho mais fácil, que é o de copiar a produção dos outros, sinto-lhe informar que estamos de olhos bem abertos! Achando uma cópia pela net, o "panelaço" vai começar... E segura a onda, porque a justiça será acionada também. Não pense que os seus atos vão ficar por isso mesmo. As blogueiras podem não receber renumeração, mas isso aqui também é um trabalho, e precisa ser valorizado e respeitado. Aprenda essa simples lição. Talvez assim você deixe de ser um mero "copiador" e possa usar sem medo o título de "blogueiro". 

Elimar

24 comentários:

  1. Eu li esta matéria no blog e simplesmente achei que essa pessoa não tem criatividade nenhum e nem senso. E também acho que a pessoa que se diz amiga dela, é a própria garota.
    http://leituramagnifica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo post Elimar! Suas palavras foram sinceras, forte e expressão muito bem o que sentimos em relação a essa situação chamada Plágio. Não há necessidade de copiar, todos temos a capacidade de criar e fazer por nos mesmo. E assim como mencionou, a prática leva a perfeição, podemos começar com algo não tão bom, e ir melhorando a cada dia, não é preciso sair por aí plagiado.

    Acho que muitas dessas "pessoas", deviam parar de pensar no prestigio que querem conquistar (pois os plagiadores, só parecem pensar nisso, é ai que entra a inveja), e fazer algo por que gosta e escrever tudo aquilo que sente e não mera cópia.

    Enfim, ótima postagem.

    Bjs

    daimaginacaoaescrita.com

    ResponderExcluir
  3. Olha Eli, pra mim isso não é nenhuma novidade.Se alunos em faculdades fazem isso, por quê seria diferente na blogsfera? Isso é o cúmulo do absurdo, eu não cheguei a me interar sobre este fato, estou sabendo agora por você. Sabe é muito melhor se dispor dos esforços dos outros do que criar os seus, total falta de ética. Não ganhamos um tostão sobre o que fazemos e ainda encontramos por ai quem nos desvalorize mais ainda.

    ResponderExcluir
  4. Adorei sua colocação, Elimar.
    Blog para mim é quase um filho. O meu é novo, praticamente um bebê. Nem tenho tantos seguidores ou parceria, mas mesmo assim, tomo o maior cuidado e carinho com cada postagem feita.
    É muito importante verificar bem uma notícia antes de publicá-la, e, no caso de usar algo de outra pessoa, seja blog, site, o que for, colocar o nome e o link para que o leitor possa ir ver a postagem original.
    Roubar resenha de outros é mais do que crime.É prova de imaturidade - pra não dizer de caráter.

    Vamos acreditar que a tal "menina de 14 anos" fez tudo na inocência, no afã de querer ter um blog mais legal. Mas as ditas amigas e seguidoras dela deveriam dar-lhe um toque.
    Que cada blog seja único. Seja forte ou fraco, com muitos ou poucos seguidores, mas que seja SEU.

    ResponderExcluir
  5. Elimar adorei a postagem!!! Acho isso horrível copiar a resenha de outro blog falando que a sua.Totalmente apoiada!
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá, Elimar. Vim conhecer o blog e já me deparo com um post super importante. Mandou bem, hein!
    Infelizmente existe muito disso. Por sorte, nunca tive uma resenha plagiada (que eu saiba) e ficaria muito decepcionada se isso acontecesse. Já fico perplexa quando vejo em outras situações, imagine comigo.
    Com certeza dá um trabalhão administrar um blog, mas é muito, muitíssimo satisfatório.
    Parabéns pelo post e pelo blog em geral. Gostei muito daqui e estou seguindo!
    Até breve!
    http://foolishhappy.blogspot.com.br/
    XX

    ResponderExcluir
  7. E Elimar a tal de Ju se pronunciou pediu desculpas, com o velho papo das "amigas ajudantes", tirou todas as resenhas e colocou somente as sinopses, e a Érica sua deusa interior sumiu, porém logo em seguida sabe o que ela fez????? Deletou o blog, então temos que tomar cuidado que ela deve abrir outro blog com outro nome e fazer tudo de novo.

    ResponderExcluir
  8. Nossa! Fiquei muito chocado com a notícia. A gente trabalha tanto para fazer tudo que a gente faz. Cada resenha, cada postagem e vem uma pessoa e copia tudo? Tendo né! Espero que tudo se resolva, sinceramente!

    blog-exlibris.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Olá!

    O Plágio tá virando um negócio cada vez mais recorrente - isso me deixa bastante triste. :(
    Poxa, você pode até ser ruim, mas sempre dá pra melhorar, sabe? Dar uma de João-sem-braço é o cúmulo da falta de respeito - não só com os outros, mas com você mesma!! Não escrever os próprios textos é como AFIRMAR que não confia no próprio potencial!

    Esses dias aconteceu uma coisa parecida e até publiquei no meu blog umas dicas pra evitar e detectar o plágio. É o seguinte: já que não dá pra bloquear por completo, vamos fazer o plagiador ter muita, mas MUITA dor de cabeça pra copiar!

    E está certa. Temos de proteger nosso trabalho com unhas e dentes - divulgamos para a comunidade, mas ele é muito, muito nosso.

    Grande abraço!!

    ResponderExcluir
  10. O plágio é realmente uma coisa terrível .. faço pequenas resenhas, pequenas mesmo porque não consigo formar uma opinião clara sobre o livro e escrevê-la. São muitas informações e não consigo organizar o que devo ou não contar, então faço uma análise simples e posto sua sinopse no meu blog. Porém sei bem o que é ser plagiada, luto contra o plágio diariamente pois escrevo poesias e jogo elas na net pra ver por onde andam meus escritos. Fico feliz de encontrá-los em diversos lugares, mesmo que sem os créditos, porque realmente na internet o autor ás vezes é desconhecido, tudo se copia e copia até se perder do autor. Mas colocar o nome embaixo como se fosse escrito por elas, e já discuti com uma mulher dos seus trinta e poucos anos por me plagiar, e descaradamente ela disse ser dela. É desabar o mundo na sua cabeça saber que existe gente que rouba seus trabalhos e tem coragem de dizer ser dono dele. É frustrante e as blogueiras tem mesmo que se unir para derrubar essa 'blogueira-farsa'. Quem quiser passar lá nos blogs:
    http://loveloversblog.blogspot.com (conteúdo diverso sobre o amor - com fontes)
    e no meu de poesias
    http://o-amor-em-poesia.blogspot.com ;)
    podem copiar, eu não ligo se não derem os créditos, deixe em branco se não souber, mas não assine o que não é seu e não receba créditos se não tem capacidade para tal. É questão de caráter, alguns tem outros .. nunca terão.

    ResponderExcluir
  11. Concordo plenamente!! E se quiser conferir a super promo que ta rolando lá no blog é só conferir: ttp://booksmyloves.blogspot.com.br/2013/02/super-promocao.html Valendo um box 50 tons e os extras do HP! Beijo!

    ResponderExcluir
  12. Tô passada!!!
    Compramos livros, lemos os textos, dedicamos nosso tempo tentando fazer o melhor para nos colocarmos de maneira justa e respeitosa, tanto quanto a autores como editoras, para que alguém que não tem capacidade sugue nosso trabalho. Fico imaginando como deve ser para os artistas que têm seu trabalho grosseiramente copiado na maior cara de pau.
    Revoltante.
    Parabéns, Elimar, pelo texto e pelo espaço!
    Beijos
    Tania Lima
    (As Envenenadas pela Maçã)

    ResponderExcluir
  13. Eu não sabia que isso tinha ocorrido, mas é mesmo um absurdo! E é uma pena que uma garota tão nova não tenha bons exemplos e nem tenha recebi uma educação que lhe ensinasse bons princípios.
    Concordo com tudo que você disse e vou ficar muito mais atenta agora, não é justo alguém roubar o que fazemos com muito trabalho, dedicação e amor.
    Parabéns pela iniciativa de se pronunciar quanto a isso, nunca devemos ficar caladas diante de uma coisa dessa...

    Beijos

    http://kastmaker.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Oi Elimar. Falou tudo,e mais um pouco amiga. O tal 'jeitinho brasileiro" faz com que as pessoas não acreditem mais na punibilidade dos seus atos., ainda mais quando tais crimes são cometidos pela internet. É a velha história do caiu na rede é peixe, e no caso aqui é a rede social.Estou com você, se fosse comigo ia armar o maior auê. Temos que nos unir. Não recebemos por trabalhar nos nossos blogs, mas o prazer em ver como nossos bebês crescem faz tudo valer a pena. bjs
    Eykler

    ResponderExcluir
  15. Excelente post amiga!! Vou postar ele no IN... Vou plagiar ele pode? hihihihi Claro, dando os devidos créditos a nossa luta! Valeu a pena... A dita cuja deletou o blog! Eu estava com advogado já! E em nenhum momento faltamos com respeito a ela! Ele me garantiu que mesmo ela sendo menor não iria virar pro nosso lado, pois estávamos fazendo algo certo e provando e nunca faltando com respeito! Resultado, vencemos. Mas isso não acaba aqui... Serve de lição! Devemos permanecer unidas e vigiar... Isso é ser parceiro, isso é crescer de forma honesta na blogosfera... Só tenho a agradecer! A prova de parceria e amizade que vi nos últimos dois dias foi surpreendente!!! E me revolto ainda em saber que existem pessoas por ai que querem crescer a custas dos outros e não sabem a recompensa que estão perdendo... Ver o blog crescer por esforço e apoio amigo não tem preço... Obrigada Elimar pela força! Não só pelas promos em conjunto, vejo que ganhei amigas de verdade!

    ResponderExcluir
  16. é um cumulo isso,falta de respeito mesmo

    ResponderExcluir
  17. Triste isso... eu tbm faço resenhas de livros as vezes, muito fraquinhas ainda - acho q todo mundo deve começar assim né. Por mais que eu leia resenhas escritas por outras pessoas, pra me inspirar a escrever cada vez melhor e ver que tipo de detalhe faz a diferença, tbm acho muito triste as pessoas ficarem procurando esse "atalho" que é copiar o trabalho alheio. Quem já resenhou sabe que não é fácil, que tem q ficar fazendo anotações enquanto le, as vezes ler partes inteiras tudo de novo. por mais que seja gostoso, dá trabalho pra caramba. Achar que não tem problema sair copiando é extremamente infantil, e mesmo a pessoa referida sendo realmente uma criança, se ngn fizer nada provavelmente vai continuar fazendo esse tipo de coisa pra sempre.

    oblogdafenixx.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Apoiada amiga, é muito triste isso, eu nem procuro saber se minhas resenhas são plageadas ou não, para evitar dor de cabeça, e também deve dar uma raiva danada.,. pq é isso mesmo que vc falou, agente dá um duro danado, trabalha, visita os blogs amigos e ainda leva isso na cara!!
    É triste, mais acontece!!

    beijos mila

    ResponderExcluir
  19. Lindo texto da Elimar,as pessoas deviam começar a encarar o nosso trabalho mais seriamente,pois nos dedicamos,são muitas horas empenhadas para pensar cada detalhe do que iremos postar,para confeccionar as resenhas e um pessoa sem o menor escrúpulo e copia aquilo que tivemos tanto trabalho para fazer.

    Nós que temos todos esse trabalho somos blogueiros,esses copiam na totalidade ou parcialmente nosso trabalho não deveriam ser chamados por tal nome,temos que nos unir para acabar com esse tipo de coisa,mas enquanto isso não acontecer.. continuaremos assim,sem valor e plagiados sempre que alguém de má índole tiver vontade!!!!

    bjsss

    Bianca
    http://www.apaixonadasporlivros.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Olá!

    Primeira vez aqui no blog e já sabendo de coisas como esta...espero que esta pessoa não faça mais um coisa desta, pois é muito feio e criminoso...é triste ver isso...poxa será que não sabe escrever um resenha sobre o que aprendeu e entendeu do livro?

    Parabéns pelo poste.

    http://fernandabizerra.blogspot.com.br/

    Beijokas!

    ResponderExcluir
  21. Sou amiga da Gabi Laganowski e leitora dela. Plágio é uma falta de criatividade e mta preguiça. Tb tenho meu blog, gosto de me dedicar à ele, receber leitores (aliás vcs estão convidadas se quiserem visitar). Diferente de vcs, meu blog engloba assuntos q gosto (isso naturalmente inclui livros). Desde mto pequena, fazer redação sempre foi o q mais gostei na escola, e modéstia à parte desenvolvi isso c/ o passar dos anos, foi um talento q amadureci comigo. Vendo o caso dessa "garota" eu fico pensando: se c/ 14 anos ela copia blogs qdo tiver mais velha vai fazer o q? Talvez falsificar, sei lá. Fica aqui minha solidariedade à nossa queridíssima amiga Gabi e meus cumprimentos por este espaço.

    ResponderExcluir
  22. Poxa, mais um caso de plagio??? Que chato isso!!
    Muita cara de pau da menina.. e nao tem desculpa que tire o fato de ela ter cometido um crime, ainda que seja menor de idade.
    Acho uma falta de respeito com a pessoa que criou a resenha.

    espero, sinceramente, que ela aprenda a lição e se sinta mto envergonhada a ponto de nao fazer novamente.

    Beeeeeijos

    ResponderExcluir
  23. Achei eu blog por acaso e acabei lendo seu post. Concordo com tudo o que escreveu aqui, até pq tenho um blog de resenhas e já copiaram coisas minhas na maior e nem mesmo me deram crédito. Já desisti de parceria com editoras que me exigiram escrever só coisas boas dos livros que me enviassem e eu discordo disso, só escrevo o que penso do livro e acho errado plagiar, se gostou, indique quem escreveu, é até legal isso. Bem, espero sua visita. Bjs
    http://mromances.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. O que mais me assusta são as pessoas acharem que copiar uma resenha não é nada demais.
    Se a idade desta garota for mesmo 14 anos, tudo piora ainda mais. Para mim plágio é roubo, e quem rouba um texto, ou uma "simples" resenha como alguns podem dizer, rouba qualquer coisa.
    Será mesmo estes os jovens que serão o futuro do páís? prefiro acreditar que não.
    Sou como vc Eli, minhas resenha são meia boca, mas s~~ao minhas, se encontra-las em algum outro lugar sem minha autorização, pode ter certeza que a "cobra vai fumar"
    Parabéns pelo seu texto.
    bjs

    ResponderExcluir

Faço parte das...

Google+ Followers

Networkedblogs

Views

HOTWords