[2ª Semana Nacional #1] Presságio: O Assassinato da Freira Nua!


Sinopse - Presságio - O Assassinato da Freira Nua - Leonardo Barros

Alice tem 26 anos e, desde a adolescência, é atormentada por presságios. Desacreditada por psiquiatras, ela é considerada psicótica, até que uma de suas visões a possibilita desvendar um misterioso homicídio. A polícia atribui a autoria do crime ao Beato Judas, um assassino serial de freiras, mas a descrição do suspeito não se parece em nada com o homem que ela viu em sua premonição. Agora, Alice terá de correr contra o tempo para provar que não é louca e para evitar que o assassino faça uma nova vítima. Suspense, misticismo e sensualidade se misturam neste fantástico thriller policial que parece ter a capacidade sobrenatural de manter seus leitores alucinados da primeira à última página.

Comentários:

Começando mais uma semana de resenhas nacionais com um livro que vai tirar o seu sono. Se você é fã do gênero policial sem "mimi", com certas fortes e personagens cativantes, com certeza esse é o livro que você procurava. Minha curiosidade em torno do trabalho de Leonardo Barros se deu após eu ler a resenha perfeita feita pela minha amiga e blogueira Verônica, do blog Tribo do Livro (clique aqui e leia a resenha da Vê). Verônica é uma leitora voraz e atenta, que possui a técnica própria dos profissionais de sua área (além de professora de Português, Verônica também é crítica literária). Romances policiais são para mim como o primeiro pedaço de um bolo: se você gostar da primeira mordida, o resto desaparece em questão de segundos. É isso que o trabalho do Leonardo faz com a gente. Com capítulo curtos e fluídos, a gente lê o livro tão rápido que nem acreditamos que ele já acabou. Mas a trama é algo perfeitamente construído por esse jovem escritor brasileiro, ainda pouco conhecido do público brasileiro. Alice, a protagonista de sua trama, é uma moça que possui um dom que ninguém parece levar a sério: ela tem o poder da clarividência (interessante maneira com que esse dom se manifesta, mas vou deixar que vocês descubram por si só). Dessa maneira, ela é aterrorizada com imagens de situações que não consegue impedir, o que lhe trás só sofrimento, visto que seu dom é confundido com esquizofrenia, o que deixa nossa heroína sem saída diante de suas visões. Ao ser confrontada com imagens do assassinato de uma "amiga" vestida de freira, Alice tenta avisar a polícia de que o homem preso pela morte era inocente, e que o verdadeiro assassino ainda estava a solta. O livro trás consigo elementos fundamentais para um bom romance policial: suspense inteligente e instigante, uma personagem que aprendemos a gostar, cenas que nos fazem pensar nas motivações do assassino, antagonistas que "amamos odiar"... Tudo isso regado a um talento peculiar de Leonardo, que consegue amarrar esses elementos com maestria, te tornando escravo dessa trama. Eu queria poder colocar mais coisas, mas acho que entregaria a estória para vocês. Por isso, deixo para os seguidores do Alquimia a tarefa de se entregar a essa estória. Acreditem: vocês não irão se arrepender...

Elimar

12 comentários:

  1. Elimar, que bom que gostou amiga! É sempre muito bom, quando um livro consegue nos prender e nos surpreender, da maneira como este livro fez com você. Mais um que entra para a interminável lista de desejados. Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  2. eu amo livros do policiais e devoro exatamente como você falou,e pela sua resenha esse é um daqueles livros que deixam a gente acordada,roendo as unhas desesperada para saber o que vem na próxima página.

    Mais um livro nacional que vou apostar com toda certeza!!!

    beijos

    Bianca

    http://www.apaixonadasporlivros.com.br/


    ResponderExcluir
  3. Mais um livro que não conhecia e me interessou... Bela resenha! Gosto de livro policiais de qualidade!!! Vai para a minha lista.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pela resenha Elimar! Estou lendo Presságio e gostando bastante. Beijo!

    ResponderExcluir
  5. Confesso que curto um suspense com romance.
    Claro que um bom livro é sempre uma boa pedida! Vai para a lista, de qualquer forma!

    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Eu achei fantástica a narrativa do Leonardo Barros. Ele amarra a drama, te deixa em suspense até quase o fim do livro. Realmente Eli, o livro é um policial sem mimi, linguagem forte, e cenas bem picantes em certos momentos. Valeu sua resenha está ótima.

    ResponderExcluir
  7. Eu adoro romances policiais, mas devo confessar que são poucos os que li nacionais - para ser mais sincera, não lembro de nenhum.
    Não conhecia esse, mas fiquei curiosa para ler.

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Elimar, isso não se faz... Quando li a resenha da Veronica, eu fiquei corroendo de vontade de ler o livro. A capa, eu e minhas capas, rsrsrsr, é algo que te instiga a querer saber oque tem dentro. Também fiz a parceria no blog, e em breve terei o prazer de ler o livro de Leonardo Barros. A ressenha ficou um espetáculo. bjs
    Eykler

    www.aghridoce.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Li varias resenhas deste livro e cada vez que leio me encanto mais. Muito curiosa pra lê-lo. Gostei de ler seu ponto de vista.
    bjs

    ResponderExcluir
  10. Oi eli, gostei da comparação com o bolo.. perfeito e é assim que eu gosto..
    Apesar de não gosta muito do estilo policial eu gostaria muito de ler o livro. sua resenha tb está perfeita!!
    Beijos mila

    ResponderExcluir
  11. Os autores nacionais estão se superando, tem muitos livros bem melhores que muitos estrangeiros por ai. Parabéns pela resenha

    ResponderExcluir

Faço parte das...

Google+ Followers

Networkedblogs

Views

HOTWords