[Resenha] O que você quiser: Sara Fawkes


Sinopse:

O trabalho temporário de Lucy Delacourt não é o emprego dos sonhos, mas paga suas contas. O momento alto de seu dia é andar de elevador com um atraente desconhecido. Tudo muda no dia em que o desconhecido a seduz. Completamente fora de si, ela se entrega sem nenhuma resistência, mas não imagina que aqueles momentos de delírio com um homem que ela nem sabe o nome irão mudar sua vida para sempre. Isso porque o rapaz sexy é ninguém menos do que Jeremiah Hamilton, um bilionário executivo que não se contenta com uma noite para satisfazer seu prazer. Conforme o endinheirado envolve Lucy em seu mundo de ambiciosos negócios e audaciosas aquisições, ele exige nada menos que sua total rendição.

Comentários:

Eita resenha difícil de ser escrita. Tudo bem que não é a primeira que sucinta certa dificuldade, mas  dessa vez, achei difícil gostar de qualquer coisa que fosse relacionada ao livro. A onda de Dominador e Submissa parece que veio para ficar, e confesso que não estou gostando nada disso. Não que o estilo em si seja ruim ou que não tenha a ver comigo. Já li alguns onde tal relação fica extremamente clara, nos mostrando que o controle real quem tem é o submisso. Não vou explicar isso aqui por que fugiria do assunto principal, que é a minha opinião em relação a "O que você quiser: envolvida por um milionário"! Logo de início, achei desconcertante o fato dos protagonista transarem se nem ao menos saberem seus nomes. O sexo aqui é retratado como algo cru, sem envolvimento romântico (pelo menos da parte de Jeremiah). Nossa protagonista, Lucy, é uma boa mulher, fogosa e cheia de desejos, mas estranhamente passiva diante dos absurdos de Jeremiah. Não há qualquer tipo de questionamento de sua parte. Ela faz é ponto. Para mim ela não é submissa. É idiota (pelo menos nesse primeiro livro). Jeremiah é um cara acostumado a ter tudo a sua maneira. Vindo de um lar sem amor, onde o pai controlava tudo e todos, ele não aprendeu a amar, deixando claro que sexo era algo somente ligado a sua própria satisfação. Egocêntrico e egoísta, o personagem dá tudo para Lucy. Tudo que o dinheiro pode comprar, mas nenhuma promessa de amor eterno vem com isso. Só sexo e mais sexo. Acho que uma leitura mais atenta perceberá o quanto Jeremiah luta para não sentir algo especial por Lucy, e com isso torna mais e mais insuportável (para mim, pelo menos). Jeremiah era para ser primo-irmão do Cross e do Grey, mas não rolou. Achei que ele era um cara nojento e sem coração, que não percebe que Lucy é muito mais do que seu brinquedo sexual. Tudo bem que a Lucy não ajudou, mas ele ainda é um personagem pior. Se eu gostei? Não. Mas vou ler as continuações, com certeza. E digo mais: é bem possível que muita gente goste, porque o livro termina sem um final ao qual estamos acostumadas. Não tem ninguém feliz na última página. Tem sim, angústia e sofrimento, nos fazendo perguntar o que vai rolar no próximo livro. Estou na torcida. Vai que o Jeremiah vire o príncipe? Pode ser né? 

Olha quantos livros ainda faltam:

Série "O que você quiser"

1. Envolvida por um bilionário
2. The Contract
3. The Secret
4. The Rescue
5. The Betrayal

Gente, é ler para crer...

Elimar

P.S.: A amiga blogueira Bia Carvalho também escreveu uma resenha sobre esse livro. Leiam e tirem suas conclusões! Clique aqui e façam uma visita... Talvez a opinião dela seja mais de acordo com a sua. Beijos!

17 comentários:

  1. Oi Elimar! Nossa a moda pegou, né/ Tem horas que sinto que o assunto ficou banalizado., que as escritoras estão confundindo as coisas. Sub é tonta e Dom carrasco ou sofreu abuso, aff... Uma coisa é uma coisa, e outra coisa é outra coisas, rsrsrs. Mas isso não é assunto pra agora. Eu fiquei curiosa pra ler o livro, mas não sei se vou ler. Gostei da sua franqueza na resenha. vou esperar pela próxima e quem sabe eu leia o livro. bjoks
    Eykler

    www.aghridoce.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu tbm não gosto muito disso de submisão. É como está no auge livros assim, eu meio que estou fungindo de leituras assim.
    Gostei da resenha, não fiquei curiosa pra ler o livro mais vou continuar acompanhando a história. Talvez mais para frente eu resolva ler já que é uma série.
    Bjos...

    ResponderExcluir
  3. Meu Deus Elimar, comprei o livro, mas pelo menos ele é bem escrito, ou é igual aquele pseudo livro erótico do Magal?????

    Sua resenha foi realmente broxante, kkkkk na minha vontade de ler kkkkk

    Vou ter que tomar um viagra literário para ter animo pra ler o livro kkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  4. Bem que você tinha comentado,quando uma nova moda literária aparece é bom pois livros ainda não lançados e desejados por nós podem chegar a nossas mãos,mas tem o lance de todos acharem que se escreverem dentro desse mote vão vender e acham que a gente vai engolir qualquer coisa.

    Esse livro parece ser vulgar e sem nenhum tipo de emoção,não sei se gostaria de lê-lo,mas como sou mega teimosa e gosto de tirar minhas conclusões,mesmo que não venha a gostar do livro,vou acabar lendo.

    òtima resenha amiga!!!

    bjsss

    Bianca

    http://www.apaixonadasporlivros.com.br/

    ResponderExcluir
  5. esse livro é muito mal escrito!! fiquei c raiva no final!!!a autora mandou muito mal!!!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Eli
    Tanto sua rsenha bem como da Bia Carvalho não foram positivas. Estou com este livro, e logo lerei. Já estou até com medo do que encontrar rsrsr... Como sempre sincera em suas resenhas.

    ResponderExcluir
  7. É parece que a moda pegou mesmo e o romantismo está fora de moda. Desculpe se sou meio moralista mas acho que sexo casual, só por fazer não faz muito minha idéia, acho que ainda sou muito antiga e ainda acredito no amor verdadeiro. Podem rir.

    ResponderExcluir
  8. Não dá para rir não! Infelizmente é a verdade .... o sexo pelo sexo é banalizado e usado como ferramenta de venda!
    Não que eu não goste ... é ótimo e tem que ser como diziam os antigos .... kkkk ... tudo pode e fica entre 4 paredes desde que ninguém saia machucado fisicamente ou emocionalmente.... nesse livro que acabei de ler o mais interessante é o desafio que se desenrola no final .... tomara que no segundo livro o bilionario desça para a terra e nos blinde com um pouco de realidade menos crua e traga um pouco do delicioso romance que tanto gostamos!

    ResponderExcluir
  9. Já fiquei em sua situação, de ter problemas na elaboração
    da resenha. No meu caso eu sabia as palavras mas não sabia passar. Enfim, mesmo assim ficou otima a resenha
    bjs

    ResponderExcluir
  10. Uma ótima resenha como sempre Elimar. Eu não senti vontade de comprar este livro e depois de ler a sua resenha e a resenha da Bia Carvalho, sinto que tomei a decisão certa. Ainda mais que é série e no momento estou fugindo de começar novas séries.
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  11. Obrigado pela opinião! Mais um que não perco meu tempo lendo! Mas deve ser primo irmão do Grey e não do meu Cross... Meu Crosso pelo menos não é assim... Grey é bem parecido com esse tipo traste de homem... Bom que já risco de qualquer lista que ele poderia entrar!

    ResponderExcluir
  12. Eu li o livro,confesso q nas primeiras 100 pagina fiquei com raiva da Lucy,e credo como Jeremiah e chato e sem carisma,depois fui gostando pq tinhas umas tramas bem legal,mais oq eu mais gostei mesmo foi irmaõ do Jeremiah ,Lucas q chega ser engraçado,espero q no proximo livro ele cresça na historia,já q Jeremiah é muito chato.

    ResponderExcluir
  13. Eu li o livro,confesso q nas primeiras 100 pagina fiquei com raiva da Lucy,e credo como Jeremiah e chato e sem carisma,depois fui gostando pq tinhas umas tramas bem legal,mais oq eu mais gostei mesmo foi irmaõ do Jeremiah ,Lucas q chega ser engraçado,espero q no proximo livro ele cresça na historia,já q Jeremiah é muito chato.

    ResponderExcluir
  14. Oi Elimar,
    Vamos torcer para ele virar um príncipe, né?
    Ele podia ser esse cara todo errado e sem coração,mas que pelo menos durante a trama ele fosse mudando e gostando dela. Mas pelo visto isso não aconteceu, né?
    Ainda não li esse livro, mas fiquei curiosa para ler ;)
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa
    http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa
    @blogescutaessa

    ResponderExcluir
  15. Hummm acho que não vou querer ler não.. E amiga eu não gostei nada desta capa..
    Esse é um livro em que eu não gasto meu dindin.. ainda mais com esse cara o tal de jeremiah

    beijos Mila

    ResponderExcluir
  16. Oi, gente!!!

    Olha, achei esse livro totalmente sem pé nem cabeça, sem sentido... Ninguém me convenceu nessa história com nada, meu dindin foi posto fora...

    Nenhuma curiosidade com o restante da série, não vou gastar meu rico dinheirinho comprando mais 4 livros dessa moça.

    Talvez, mas com muito boa vontade, eu leia se aparecer no impronunciável. Só estou esperando o último livro da trilogia Crossfire para dar por encerrada minha incursão por esse tipo de temática.

    Quando vão publicar o livro da Judith Mcnaught, mesmo???? Isso é o que me interessa!!!!

    Bjs!

    ResponderExcluir
  17. Olha, essa série ñ possui 5 livros. Eram 5 mas a autora juntou e virou 1. Agora ela escreveu mais um ( q é o 2) e vai escrever o 3. Vai ser uma trilogia. Em nenhum lugar vi essa ordem q vc colocou, nem no site da autora. Lá ela tira as duvidas. Da uma olhada depois ^.^

    ResponderExcluir

Faço parte das...

Google+ Followers

Networkedblogs

Views

HOTWords