Resenha: Para Sempre Sua - Sylvia Day

Falei que voltava. Agora vou resenhar um livro que está comigo há meses, aliás, desde o dia do lançamento dele. Demorei muuuuito tempo pra ler. Mas conheci a Sylvia Day e me inspirou a terminá-lo!

Para Sempre Sua - Sylvia Day
3° da Trilogia Série Crossfire
310 páginas
Editora Paralela
Lançamento: 2013
Livro no Skoob

Sinopse
A partir do momento que conheci Gideon Cross, vi nele algo que precisava. Algo que não podia resistir. Eu vi a alma perigosa e danificada — muito parecida com a minha. Eu estava atraída por isso. Eu precisava dele, tanto quanto precisava que meu coração batesse. Ninguém sabe o quanto ele arriscou por mim. O quanto fui ameaçada, ou quão sombria e desesperada a sombra de nosso passado se tornaria. Entrelaçados por nossos segredos, nós tentamos desafiar as probabilidades. Nós fizemos nossas próprias regras e nos rendemos completamente ao poder requintado da posse…

Resenha

*já vou avisando que esse é um daqueles posts que além de criticar pontos do livro eu falo um bando de maluquice. Afinal, sou só a colunista! Eu posso e espero que vocês se divirtam! 

Não vou mentir, gente, eu esperava ler esse livro em uns dois dias, do mesmo jeito que li o primeiro. Mas olha... Levei semanas. Então abandonei e depois voltei. Claro que o fato de eu estar num período estranho em que poucos livros me prendem, também contribuiu. Mas não é só isso, eu queria que esse fosse o último e desde o início me senti assim.

Abri o livro louca de curiosidade por causa do jeito que o 2° acabou. Comecei a ler na velocidade 5 do creu. Claro que já começar com Gideon de moleton e sabidamente SEM cueca ajuda o ânimo de qualquer pessoa. Se vocês não lembram, vou refrescar a cabeça de vocês sobre as maravilhas que falei do Gigi na minha resenha de Profundamente Sua.

Pensa na situação da 1° cena deles: O cara não consegue ficar longe de você. Aí entra no seu quarto, conversa vai, conversa vem... Ele tira as coisas e póe na sua mão. Assim, na boa, facinho. Basicamente: Preciso tanto de você + PAM! P*u na mão! - Vou deixar SÓ porque é o Gigi. E vou achar o máximo SÓ porque o P de Gigi é especial, OK?

Dei um tapinha na almofada ao meu lado. "Vem aqui."
Em vez disso, ele sentou na mesinha de centro e me envolveu com suas pernas abertas. Ele pegou minhas duas mãos e as ergueu para beijá-las. "Me desculpe."
"Eu entendo você. Mas, se tem alguma coisa pra me falar, é melhor dizer agora."
Ele se inclinou para a frente, me puxando para fora do sofá. Quando chegou bem perto de mim, ele sussurrou: "Sou apaixonado por você."

Enfim... Voltando a realidade do livro, esse precisava ser o último. Crossfire começou como uma trilogia e assim devia ser. Apesar do meu grande amor pelo Gideon e sua peripécias, não tem essa história toda para enfiar em 5 livros e os personagens saíram um pouco da linha. Mas agora vou rezar pro santo da Sylvia inventar pano pra manga porque precisamos ser entretidas. E acreditem, muitas de nós, depois da página 50, conseguem distinguir quando estão sendo enroladas com muito sexo. (Mesmo que seja sexo nível Gideon).

Voltando ao Gideon livro, depois de muito "moreno gostoso" pra lá e pra cá, começamos a ser lindamente enroladas. Com sexo, eu sei! Melhor do que com nada! Mas mesmo assim. Para pessoas que sabem o motivo de estarem sendo enroladas (não, dessa vez não é sexo, é a editora maldita que mudou de 3 livros para 5), fica chato. E a Eva é chata, vamos combinar. Ela é chata pra cacete. Eu gosto dela, mas quando não está dando pro Gigi, ela está sendo chata. Isso quando não está nos momentos insuportáveis. Mas alegrem–se, juro que nesse livro ela está beeem mais legal do que no 2° que eu a assassinei umas 800 vezes!

Autógrafo da Sylvia no meu livro, dizendo: Gideon manda seu amor. hahahaha. Ele pode mandar o que ele quiser!

Agora é Gideon que está virado no emo. Sylvia, nós conversamos sobre isso. Resolve os problemas do Gigi, a gente finge que o p*u dele é de aço, mas não deixe que ele pegue a chatice da Eva! Pelo amoooor do Viagra natural que Gideon tem no sangue!

Eva passa o livro todo correndo de Deanna, fazendo doce pro Brett, escondendo coisa do Cary, dando pro Gideon além da conta e sendo chatinha. E Brett que com tanta mulher no mundo, cheio de groupie no cangote ainda fica gastando página com febre de pussy da Eva. Ah, para! Cadê Gideon pra dar outra surra nele?

 E se eu fosse o Cary tinha dado um chega pra lá nela muito antes, mas ele fica fingindo que é bobo. E cara, um tapa na cara daquela Tatiana! O Trey é tão gracinha, ele é meio Eva versão masculina. Não resiste ao Cary, faz o que ele quer e dá que nem chuchu na serra.

Alguém me explica o que Giroux foi fazer na história? Já não basta ele ser corno manso, o cara ainda baixa em NY só pra ter cenas TOTALMENTE INÚTEIS com a Eva e dar um chega pra lá no Gideon. Sério? E Corinne! Alguém mata essa mulher! Eu sei que ela é o recurso da Sylvia pra comer página, porque toda vez que ela aparece rola umas duas páginas de Eva não gostando do babado, Gideon fazendo o preocupado e adicione descrições de insegurança, ciúme que agora está aparentemente superado e Gigi contando a última da loka.

Estou presa no seu feitiço.
Não consigo parar de pensar em você.

E a festa! Falaram tanto dela, foi a maior discussão de ia ou não ia, Gideon se enfiou num smoking, tudo isso pra nem rolar sexo na limosine e lá não acontece nada relevante a trama. Tipo... Vamos embora mais cedo, amor. Calma, não vou te comer por mais 5 páginas, mas vamos mais cedo que a gente veio só dar uma pinta e enrolar um pouco o pessoal.

Sylvia, eu te adoro. Claro que eu não parei de ler, to reclamando, mas to lendo. Sou dessas. Mas se você quer cansar minha beleza, me dá um Gideon. Afinal, ele não vai só me cansar, vai me matar né! Nova modalidade de morte: Mulher de 25 anos morreu de dar na madrugada desta sexta-feira. Ela tinha um sorriso enorme no rosto ao dar o último orgasmo suspiro.

Enfim, gente. To me sentindo enrolada por sexo e nem a promessa de mais Gideon me faz mudar de ideia. Crossfire deveria ter se mantido uma trilogia. A gente relia ué. Gigi é eterno!

O Gideon está duper inseguro nesse livro, saiu um bocado do personagem. Acreditem se quiser. A perturbação com a insegurança insuportável da Eva diminuiu exponencialmente, aí vem Gigi. Ele não está obsessivo nesse livro, está dependente mesmo. É “meu anjo” demais pra tanto sexo. É intenso, parece lindo, mas que angustia. Como a autora é boa, você sente o problema do personagem, a Eva está lá descrevendo e você consegue enxergar a necessidade obsessiva do Gideon. É muito preciso de você, vou morrer sem você, não vou mais respirar sem você, quero controlar até a hora que você vai ao banheiro (não gente, ele não diz ISSO, pelo amor de Deus)!

Como é que aquele avião não caiu? Na boa... E sério. Se isso fosse vida real, além do p*u não funcionar daquele jeito 7 dias por semana, 12h por dia do jeito que é... Todos os pedreiros do prédio do Crossfire agora teriam vídeos gravados no celular de Gideon e Eva mandando ver na obra! Sério... NA OBRA!

E estou até agora tentando me entender com aquele fio terra. Sério gente, eu perdi a pista do dedo dela ali. Quando chegou ao meio o negócio já estava perdido, eu nem sabia mais qual estava fazendo a parada. É muito avançado pra garota aqui, gente... Procura–se o dedo de Eva. Última vez visto: No tchururu do Gideon! O.O

“Como você quiser.” Ele passou a língua no outro mamilo, provocando de leve até que eu chegasse ao ponto de implorar para que o chupasse. “O seu desejo precisa ser todo por mim, meu anjo, não pelo orgasmo. Pelo meu corpo, pelas minhas mãos. Quero que você se torne incapaz de gozar sem o toque da minha pele contra a sua.”
Eu concordei freneticamente com a cabeça, com a boca seca demais para conseguir falar. O desejo se concentrava como uma mola comprimida dentro do meu ventre, apertando–se um pouco a mais a cada movimento do polegar de Gideon contra meu clitóris e dos dedos que estavam dentro de mim.

E que droga o Cary fez?! POR QUE? POR QUE?! A danada o sacaneou o livro todo para chegar ao fim e ainda dar uma dessa! PQP, Cary! Foge pra San Diego! Eu quero ver a reação do Trey, juro que no momento essa é minha maior curiosidade em relação ao próximo livro.

Na boa, eu não consigo gostar da mãe da Eva. Não adianta e ela só está mais insuportável nesse livro. A menos que a Sylvia revele algo muito brabo pra justificar o fato de ela ser uma golpista, alpinista social e caçadora de marido rico, Top 1 das mães mais fúteis e péssima mãe, continuo com a mesma opinião.

Meu outro autógrafo da Sylvia, esse diz: Ótimo ver você! - Ela é uma fofa!
Mas o fato é que, Para Sempre Sua não chegou ao vício de Toda Sua e que Profundamente Sua conseguiu segurar bem a bola (juro que não foi trocadilho). Porque até aquele momento era uma trilogia! E foi fraco, tenho lido muitas resenhas reclamando disso. Já teve gente que saiu reclamando do 2° livro porque prometeu, prometeu e no final não soubemos mesmo o segredo do Gideon. Mas a promessa era tudo se revelar no último livro, só que agora isso caiu. O que esse pessu vai dizer do 3°? Olha, o Gigi não superou o trauma, ainda não fomos fundo na questão, mas em compensação a Eva foi beeeeeeeeeeem fundo do traseiro dele. Serve?

Lamento, ladies descaradas. Mas quem ainda não leu, vai ser necessário se quiser continuar a série. É um pouco irritante, porque me propus a acompanhar uma trilogia e não uma série. Mas olha o esforço que estou recomendando: Você aceita ser enrolada, fica um pouco puta porque não é o último livro, mas aí você leva pra casa o Gideon, com o p*u mais revestido de aço do que nunca! Jurooo! Levem Gigi pra casa, não o deixem. Ele está muito carente nesse livro, to com medo de ele chorar. Mas como ele é Gideon, ele transa até aos prantos.

Mas meu anjo, eu não vivo só de SEXO! Eu preciso de mais (carros, joias, roupas, sapatos, uma cobertura em NY, cartão sem limite...). Sério, eu preciso de mais para me prender ao livro. Ou seja, uma trama bem estruturada e interessante, sem muita enrolação e personagens cativantes que se mantenham fiéis a sua proposta. Viu, não é pedir muito. Então tia Sylvia, sei lá cara, dá um jeito. Faz a loka, mas vem com o 4° e 5° livro bombando porque eu sei que não tenho vergonha na minha cara e vou continuar lendo Gideon, mesmo puta da vida com a história e por não ter terminado no 3°. Mas não consigo me conter, me processem!

Conheci a Sylvia Day!!

E disse pra ela que o p*u do Gideon não existe! MENTIRA!! PARA que eu não tenho essa caraça. Eu sou uma moça tímida e amável com cara de 18, então pisquei meus olhinhos e disse a tia Sylvia que eu amo os históricos dela. E que na verdade, eles que são meus preferidos. E pedi a ela para nunca parar de escrever os históricos, mesmo com o sucesso dessas séries novas. Ela foi uma fofa total e disse que também ama os históricos e que não vai parar. Eeee!!!! Fez uma leitora feliz.
Ela inclusive pode fazer Gigi versão conde né? Não, duque!! Já pensou... Sociedade londrina não sobreviverá a isso!

Eu e Sylvia!! Tava já o bagaço da laranja, acordada desde as 5 da matina (cheguei cedo, com medo de estar o caos que foi no dia do Nicholas Sparks. Mas foi super calmo). Sou a pessoa que mais odeia sair em fotos, porque sempre saio com mega cara de fuinha redondex. Só aceitei porque era com a Sylvia, hein! hahahaha
O bate papo foi super legal, ela falou que na juventude já teve uma paixão louca para inspirá-la, descreveu o processo pro livro sair, foi muito simpática respondendo as perguntas. Verdade que a tradução simultânea não estava legal e eu abandonei, preferir usar meu inglês mesmo. E isso também a atrapalhou a entender algumas coisas, mas felizmente a mediadora era esperta e explicava. Ela reafirmou seu dream team para os papéis, Henry Cavill e Scarlett Johansson. Claro que não serão eles na série que deve ser feita pela HBO. Mas enfim...

CHEGA! Já falei muita besteira pra um post. Só Gigi pra causar isso! Vocês sabem, meus posts em geral são sérios. ;P

Jabá

Você encontra Para Sempre Sua nas maiores livrarias online e físicas. O lugar mais em conta no momento é a Fnac por R$ 15,60.

Por incrível que pareça o E-Book está mais caro que o livro físico e sai por no mínimo R$ 18,90 na Amazon. Então corram desse absurdo!!

Até a próxima.

Lucy.

5 comentários:

  1. Cara, eu até queria ter encarado essa com vc, mas depois da experiência desastrosa com o Sparks, deixei passar. Sei que vc teve boas companheiras na fila e isso me deixou mais aliviada. Daqui a algum tempo, vamos estar fazendo fila para pegar autógrafos com vc... Mas quero meu lugar cativo, já avisei... rsrsrs

    ResponderExcluir
  2. Ainda não li nenhum dos dois, mas como uma verdadeira amiga e fã da Lucy Vargas, tive que vir aqui pra babar mais em uma publicação dela aqui no alquimia! Como sempre uma resenha perfeita! Sei que sempre serei uma amiga babona! Mas parabens pela resenha e pela foto com a nossa "Diva literária"!
    Bjus luh e Eli, parabéns pelo blog! Como sempre um sucesso!!!

    ResponderExcluir
  3. Ai, nem consegui ler esse. Até tentei, mas achei tão chaaato.
    Correndo o risco de ser linchada, acho que o Gideon, apesar de ser o Deus do sexo, um mala. Que cara grudento, inseguro.
    E pretendo estar na fila, ao lado da Elimar.

    ResponderExcluir
  4. Lucy concordo com td o que vc falou. E serei mais radical: Sylvia Day, nunca mais! Essa mulher tirou a minha paciência ao transformar de uma hora para outra uma trilogia que tinha td para ser o máximo numa bosta de uma série que tenho certeza vai tirar minha paciência! Sou mais Sylvain Reinard com o Gabriel (Com sexo mas sem doideira!). Sylvia Day não vai ver mais nem um centavinho meu. Isso com total completa e absoluta certeza! Preciso, mas nem tanto!

    ResponderExcluir
  5. Oi Lucy, acredite ou não, ainda não conheço o trabalho da autora. Adorei os quotes escolhidos.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir

Faço parte das...

Google+ Followers

Networkedblogs

Views

HOTWords