[Resenha] Coração de pedra - Marguerite Kaye


SINOPSE: Ao acordar em uma cama estranha,Henrietta Markham encontra o homem mais sensual que já conhecera.Entretanto,a última coisa que se lembra é do ataque de um invasor e de ter sido resgatada por Rafe St. Alban, o notório conde de Pentland. E ele parece bem mais perigoso! Um casamento fracassado transformou o coração de Rafe em uma pedra de gelo. Contudo, a impetuosa e atraente preceptora faz seu sangue entrar em ebulição.Quando Henrietta é acusada de roubo,Rafe se coloca de prontidão para salvá-la. Será que a inocência dela deixará este endurecido libertino de joelhos? 

RESENHA:

Mais um romance Histórico da Harlequin que me surpreendeu. Fiquei muito feliz em tê-lo pegado para ler, pois mesmo após o termino do livro eu ainda fiquei com os personagens na cabeça por alguns dias e essa sensação é tão... boa!!!

O livro começa com o conde Rafe St. Alban encontrando a mocinha Henrrieta Markhan desacordada e com uma única certeza na cabeça: Fora atacada por um invasor.  Ele não se preocupou muito com isso e não queria se envolver, mesmo que achasse que Henrrieta fosse ter alguns problemas com a patroa por ter sumido durante tanto tempo sem dizer nada. Ela arranjou o problema, ela resolva.

E Rafe não estava errado, os problemas entre Henrrieta e sua patroa tomaram rumos não esperados pela mocinha; Fora acusada de roubo e todas as peças se encaixavam para que realmente tivesse sido ela a ladra, pois no mesmo período em que esteve desaparecida houvera acontecido o roubo, mas Rafe sabia que ela não era capaz de ter feito isso e, mesmo que com má vontade no início, ele a ajudou, já que a mocinha estava sem casa, dinheiro ou parentes para socorrê-la da prisão iminente.

A história se desenrola de maneira muito gostosa e os protagonistas têm química, combinam muito juntos. Particularmente eu gostei mais de Henrrieta por ser uma mulher corajosa e ao mesmo tempo engraçada, bondosa e sem papas na língua. Além do suspense principal onde o leitor fica preso á leitura na ânsia de descobrir quem roubou as joias preciosas, ainda existem os motivos desconhecidos para que Rafe tenha algumas atitudes em relação aos seus sentimentos por Henrrieta.

Nada no livro é forçado, tudo fluí naturalmente e o relacionamento do casal  conseguiu me convencer, as divergências de sentimentos do Rafe pareceram necessárias para mim após a explicação dele no final. Enfim, recomendo muito!

Agora que estou meio que viciado em Históricos, fico sabendo que a Harlequin não pretende mais lançar dois livros por mês, mas apenas um. Isso é realmente uma pena, pois existem muitos leitores fiéis á essa categoria e eu havia me tornado um deles. O que me conforta é que no Brasil os Históricos estão ganhando força e já não é tão difícil encontrar novos e bons lançamentos.

NOTA: 4.5/5
                                               Jhonatas Nilson

2 comentários:

  1. Adooro esse blog! amigas, há tempos procuro um romance antigo que adorei. O Título é: Um Homem sem Passado, a autora é Kale... (não sei o sobrenome) - é daquela coleção Bianca. Por favor, se você quiser vender ou me disse onde posso comprar, agradeço muito. Muito obrigada!!

    ResponderExcluir
  2. Adorei a resenha da Jhonatas! Achei fascinante o enredo, sabe?!

    Beijos e Até o próximo post!
    Lu do Blog Apaixonada por Romances

    ResponderExcluir

Faço parte das...

Google+ Followers

Networkedblogs

Views

HOTWords