[Resenha] Horas Noturnas: Bianca Carvalho!



Sinopse:

EDIÇÃO EXCLUSIVAMENTE DIGITAL Inglaterra, 1863 Uma bela e delicada mulher com inteligência aguçada para investigação... Um charmoso caçador de assassinos tornando-se lenda por eliminá-los com requintes de crueldade... Um assassino que deixa charadas, com sede de sangue e um gosto peculiar por Edgar Allan Poe... Três almas unidas com diferentes propósitos. Apenas uma chance de sobreviver... Quando a noite cai, todas as almas possuem um gosto pela maldade...

Comentários:

Não pensei que eu diria isso agora, mas Bianca Carvalho conseguiu se superar. Depois de ler três romances seus, todos contemporâneos com um toque sobrenatural, esse foi o primeiro histórico dela que li (não sei se é o seu primeiro, mas se for, começou com o pé direito). Nessa obra percebe-se o quanto a escritora cresceu. A trama flui com uma rapidez espantosa, quase não permitindo que parássemos. Minha única crítica fica por conta da edição EXCLUSIVAMENTE DIGITAL. Como assim Bianca? Quero o meu "Horas Noturnas" na estante. Mas vamos ao livro que é o que interessa O livro conta a história de Maryanne, uma jovem inquieta com uma mente brilhante e investigativa, que ajuda o pai, ex-agente da polícia, que resolveu abrir um escritório de investigações particulares, depois da morte suspeita de sua esposa. Ele não foi capaz de descobrir o assassino de sua esposa, o que o deixou extremamente amargurado, se voltando a ajudar a pessoas a não passar pelo mesmo infortúnio. Ele trabalha com a ajuda das observações de sua filha, que ele tenta a todo custo manter afastada das investigações, mas como a teimosia aparenta ser um caso de família, é claro que nossa heroína consegue ficar bem próxima da atividade do pai. A grande sacada desse livro é a participação de um tal personagem misterioso, que ajuda o pai de Maryanne nas investigações. O famigerado "Caçador" mata aqueles que são protegidos pela justiça corrupta de Londres, e vive de acordo com suas próprias regras. Nesse contexto, conhecemos um outro personagem que vai dividir opiniões, o Duque de Wallfair, Darren Carmichae, que se mostra interessado em Maryanne, e parece despertar sentimentos em nossa heroína, porém, essa já entregou seu coração ao Caçador, que parece nutrir os mesmos sentimentos por ela, mas por causa de suas atividades, tem receio de não poder dar a ela uma vida normal. Mas não pense que o livro só tem essa premissa. O mistério criando pela escritora é digno da dama dos romances policiais, Agatha Christie, e vai ser bem complicado de se descobrir. Uma ou outra coisa eu até descobri, mas as reais motivações do assassino não são tão evidentes assim (pelo menos não foram para mim). Esse romance é a prova que é possível fazer um livro com vários elementos de gêneros distintos sem perder a mão. Como Bianca é uma leitora voraz, além de escritora, percebe-se que ela consegue se influenciar por vários nichos que a literatura de entretenimento atual tem disponível, sem nunca perder a essência daquilo que a fez ficar conhecida entre nós, o romance com mistério. Se você já conhece o trabalho da Bia e gostaria de se aventurar por seu romance histórico, vá sem susto. Mas se você ainda não conhece nenhum de seus trabalhos, aqui está a chance de começar com o pé direito. 

Elimar Souza

Clique aqui e adicione "Horas Noturnas" no Skoob!

Compre a sua versão digital exclusivamente no Amazon Brasil:
http://www.amazon.com.br/Horas-Noturnas-Bianca-Carvalho-ebook/dp/B00HBIDBJG/ref=sr_1_1?ie=UTF8&qid=1387211329&sr=8-1&keywords=horas+noturnas

3 comentários:

  1. *-*
    Que resenha linda!!!
    Obrigada, minha querida!

    ResponderExcluir
  2. Uau, que resenha Elimar!
    Eu ainda não li este, principalmente por ser digital. Não tenho e-reader e por isso ler e-books é mais complicado para mim.
    Com certeza já está adicionado e assim que puder, vou conferir mais uma história da Bia Carvalho, uma escritora que promete!
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Elimar, sou fã da Bianca Carvalho há um ano. Acabei de ler Jardim da Escuridão, adorei e já vi que Horas Noturnas não vai ser diferente. Pela resenha fiquei encantada, só não gostei por ser digital o que eu gosto mesmo é sentir o cheirinho do livro.

    ResponderExcluir

Faço parte das...

Google+ Followers

Networkedblogs

Views

HOTWords