[Resenha} Os Três: Sarah Lotz

 

Sinopse - Os Três - Sarah Lotz

Quinta-Feira Negra. O dia que nunca será esquecido. O dia em que quatro aviões caem, quase no mesmo instante, em quatro pontos diferentes do mundo. Há apenas quatro sobreviventes. Três são crianças. Elas emergem dos destroços aparentemente ilesas, mas sofreram uma transformação. A quarta pessoa é Pamela May Donald, que só vive tempo suficiente para deixar um alerta em seu celular: Eles estão aqui. O menino. O menino, vigiem o menino, vigiem as pessoas mortas, ah, meu Deus, elas são tantas... Estão vindo me pegar agora. Vamos todos embora logo. Todos nós. Pastor Len, avise a eles que o menino, não é para ele... Essa mensagem irá mudar completamente o mundo. 
Comentários:
Caraca, caraca, caraca... Mil vezes caraca!!! Juro que eu não esperava ter sido tão arrebatada por esse livro. Primeiro que eu não conhecia Sarah Lotz e não fazia ideia de como seria a leitura desse livro. Eu nem tinha lido a sinopse quando o pedi de parceria. Na verdade, o título foi o suficiente para me convencer. Fiquei "namorando" o livro, enquanto esperava a minha lista de livros a serem lidos diminuia um pouco. Eis que o dia de ler "Os Três" finalmente chegou... Foi muito difícil parar de ler quando eu tinha começado. 
Sarah Lotz conduz uma trama inteligente e assustadora, que consegue dar um nó na nossa cabeça. Os tais aviões que caem parecem ser o início de tudo, o estopim para todos os "grandes" acontecimentos ao longo da narrativa. As três crianças sobreviventes vão desencadear acontecimentos que vão te deixar alucinado. 
Paul Craddock perdeu o irmão gêmeo, a cunhada e uma de suas sobrinhas gêmeas. Coube a ele ficar com a guarda de Jess, uma das gêmeas que sobrevive milagrosamente ao acidente aéreo da Inglaterra. Chiyoko Kamamoto é prima de Hiro Yanagida, único sobrevivente do acidente aéreo no Japão. Com a morte da mãe de Hiro, e a incapacidade de seu pai em lidar com a situação, os pais de Chiyoko ficaram responsáveis por ele.  Lilian Small é a avó de Bobby Small, o único sobrevivente do voo dos Estados Unidos, que vitimou sua mãe. 
O livro não tem uma narrativa "comum". A história é contada através de entrevistas, recortes de jornais, artigos, bate-papos na internet, transcrições de depoimentos gravados... O que faz com que as informações cheguem fragmentadas até nós, nos fazendo montar o quebra-cabeça que Sarah Lotz construiu. 
Não acompanhamos um ponto de vista, mas sim vários, de pessoas ligadas diretamente aos "três", como jornalistas, soldados, amigos e vizinhos, além de (pasmem), uma prostituta e um grupo de malucos da internet. Todos têm algo a contar sobre alguém que tem uma teoria sobre o que foram tais acidentes e porquê somente três crianças teriam sobrevivido. Existiria a possibilidade do quarto avião ter deixado algum sobrevivente? Teria uma quarta criança viva nessa história toda?
Apesar de ser uma ficção (óbvio né?), o livro trata de questões bem atuais, como a interação obsessiva de alguns jovens com a internet, e a maneira como grupos religiosos se aproveitam de determinadas situações para violentar uma teoria e nos fazer engoli-la goela abaixo. Não quero dar as hipóteses que a autora dá para explicar o que poderia ter acontecido com os "três" para não estragar a surpresa de vocês, mas confesso que senti falta de alguma coisa. Sei lá... Alguma explicação a mais sobre tudo aquilo. Tudo bem que o final foi incrível e chega a dar medo de verdade, mas eu senti falta da "verdade nua e crua" sabe? Talvez deixar o final desse jeito foi a forma que a autora encontrou para nos deixar em êxtase. Quem sabe ela não escreva uma continuação ou um livro que explique determinadas coisas que vão sendo colocadas ao longo da narrativa?
 
Clique aqui e adicione "Os Três" a sua estante do Skoob!
P.S.: No skoob eu dei quatro estrelas para esse livro. Isso porquê o final do livro deu um nó no meu cérebro de tal maneira, que eu estou até agora de queixo caído. Não que seja ruim mas... Vocês precisam ler para entender!
;)

2 comentários:

  1. Pelo jeito vc adorou o livro, né?
    hahaha...
    Gostei bastante da capa tbm, tem um ar bem misterioso
    Se puder dá uma passadinha lá no meu blog, por favor?
    O link é http://entrelinhasdasestrelas.blogspot.com.br/
    Obrigada, beijos! :)

    ResponderExcluir
  2. Oi!
    Nossa, esse livro parece ser alucinante!
    A sinopse me deixou curiosa, e estou vendo várias pessoas falando super bem dele!
    Nunca tinha visto um livro com uma narrativa assim, de recortes e fragmentos, e parece bem interessante de se ler!
    Adorei a sua resenha, e quando puder vou adquirir um exemplar desse livro!
    Beijos
    http://addictionforbooks.blogspot.com

    ResponderExcluir

Faço parte das...

Google+ Followers

Networkedblogs

Views

HOTWords