[Resenha] Rush Sem Limites: Abbi Glines / Rosemary Beach #4


Rosemary Beach #4
Sinopse:

Rush sem limites conta a história de Paixão sem limites sob ponto de vista de Rush.

Rush merece sua reputação de bad boy. Com seus carros de luxo e sua mansão de três andares à beira-mar, o filho de um famoso astro do rock tem uma fila de garotas a seus pés. No entanto ele precisa apenas de duas pessoas para ser feliz: seu irmão postiço e melhor amigo Grant e sua meia-irmã Nan.

Até que Blaire Wynn chega à cidade em sua velha caminhonete. A beleza angelical da garota do Alabama logo chama a atenção de Rush. Mas, por causa de um segredo de família, ele decide manter distância de Blaire. Mesmo que ela precise de sua ajuda. E mesmo que ela lhe desperte sentimentos desconhecidos.

Órfã de mãe e abandonada pelo pai, Blaire está sozinha no mundo – porém Rush entende que se aproximar dela pode destruir a vida da irmã, a quem protegeu desde que eram crianças. A relação secreta entre as duas e o ódio que Nan nutre por Blaire são mais do que bons motivos para Rush manter-se afastado. Só que ele não consegue. O desejo fala mais alto.

Depois do sucesso da trilogia Sem Limites, Abbi Glines leva os leitores de volta ao início dessa história de amor. Em Rush sem limites, você entrará na mente do bad boy que já conquistou milhões de fãs mundo afora.

Comentários:

Depois de acompanhar a história de Rush e Blaire por três livros, tendo como ponto de partida a visão de Blaire, chegou a hora de acompanhar tudo a partir do olhar de Rush, um dos personagens mais amados da série Rosemary Beach. O livro em si já traria poucas novidades ao meu ver, já que seria única e exclusivamente ouvirmos a versão de Rush para o que aconteceu no primeiro livro, mas Abbi consegue trazer "algo mais", fazendo com a gente fique ainda mais vidrada no Rush (como se isso fosse possível). Em nenhum momento se questiona se esse Rush não é o mesmo do primeiro livro. Ao contrário. Se tem algo que Abbi soube fazer é respeitar a personalidade Rush, não o tornando diferente dos outros livros.
Para mim foi legal saber qua foi a impressão de Rush sobre Blaire, que pare ele era alguém proibida, graças as questões do passado (só lendo a série para saber que questões são essas gente). Rush é um personagem que faz a mulherada tremer na base. Bonito, sexy e cheio de marra, ele é o tipo de cara que as mulheres se jogam aos pés, mas quando Blaire chega, o mundo "descomplicado" de Rush cai por terra, e ele precisa aprender a lidar com a nova situação que é a sua vida. 
Se você, assim como várias leitoras, também sentiu rancor e raiva de Rush, por determinadas atitudes que ele tomou, deixando Blaire na mão, cabe demais a leitura desse livro. No meu caso, eu ainda não consegui perdoá-lo, mas dá para compreender a sua linha de raciocínio, já que ele queria proteger aqueles que lhes são caros.
A série é um verdadeiro grude. Dia desses eu indiquei a série para uma amiga que viciou. Leu o primeiro livro em três horas, e ficou desesperada pelos outros. É desse jeito que a gente fica, já que Abbi sempre termina seus livros nos deixando com o coração na mão. Eu que já li a trilogia fiquei doida quando terminei "Rush sem limites". Ler a história sobre o ponto de vista do Rush foi uma experiência incrível. Vocês vão curtir também.

"É um anjo. Um anjo lindo, forte, corajoso e leal que entrou em minha vida em uma caminhonete, empunhando uma arma". (p. 08)

Clique aqui e adicione "Rush Sem Limites" a sua estante do Skoob!

Beijos!

Elimar Souza


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faço parte das...

Google+ Followers

Networkedblogs

Views

HOTWords