[Resenha]: Obsidiana - Saga Lux - Jennifer L. Armentrout

Título: Obsidiana - Saga Lux

Autora: Jennifer L. Armentrout

Editora: Valentina (02 de Novembro de 2015)

Ano: 2015

ISNB: 9788565859790

Idioma: Português

Páginas: 320





Sinopse: Começar de novo é um saco. Quando a gente se mudou para o interior, bem no início do último ano do colégio, eu já vinha me preparando para o sotaque caipira, o tédio, a internet lenta e um monte de chatices... Até dar de cara com o meu vizinho gato, alto de dar tontura e com intimidantes olhos verdes. Hummm... os prognósticos estavam melhorando. Até que... ele abriu a boca. Daemon é irritante. Arrogante. Dá vontade de matar. A gente não se dá bem. Não mesmo. Mas, quando um caminhão quase me transforma em panqueca, o garoto literalmente congela o tempo com um aceno de mão e aí, bom, algo inesperado acontece. O alien gato (meu vizinho) me deixa com um rastro. Você me ouviu bem. Alien! A verdade é que ele e a irmã têm uma galáxia de inimigos que querem roubar seus poderes. O rastro que deixou em mim brilha como lua cheia, e isso não é nada bom. O único jeito de sair viva dessa é ficar colada em Deamon, até a magia alienígena desaparecer. Quer dizer, isso se eu não matar o cara primeiro.

Book Trailer:

Olá pessoal!! Hoje a resenha é de um livro que já conhecia a série e que fiquei mega feliz quando descobri que a editora Valentina ia publicar aqui no Brasil. É a série Lux, são 5 livros no total e hoje vou falar do primeiro livro da série, Obsidiana. 


O livro é narrado em primeira pessoa, pelo ponto de vista da Katy, nossa protagonista. Ela e a mãe acabam de se mudar para West Virginia, em uma cidadezinha no meio do nada chamada Ketterman. Para Katy que estava acostumada com a Flórida é a morte ter que ir morar lá, mas apoia a decisão da mãe por ser um recomeço para elas, após a morte do pai. 

A Katy tem um blog e faz resenhas de livros, ela é uma leitora compulsiva igual a nós gente, super me identifiquei!! Adorei isso, a preocupação de atualizar o blog, de colocar a leitura em dia, fazer as resenhas e tal, e ela ainda curte mexer com plantas e tal, pois era algo que sempre fazia com o pai. Já a mãe não consegue ficar parada, está sempre trabalhando muito, e apesar de não ser tão presente em casa, sempre se mostra muito preocupada com a filha, tem um diálogo bem aberto entre elas. E preocupada que a filha faça amizades logo, faz a Katy ir falar com seus novos vizinhos. Katy vai meio contra vontade e quando toca a campainha se depara com um garoto bronzeado, forte, cabelos escuros e olhos verdes hipnotizantes, seu vizinho é um tremendo gato, infelizmente quando Daemon abre a boca ele é super ignorante, e eles acabam discutindo e ela sai dando dedo do meio e decidida a nunca mais falar com ele. Depois conhece a Dee, irmã gêmea de Daemon, que é o total oposto do irmão, e elas acabam se tornando muito próximas.

A Dee foi uma personagem q eu amei muito, ela é uma fofa, pensa naquela amiga que toda menina quer ter, tanto que ela conquista a Katy de cara e as duas passam a serem melhores amigas. Mas como nem tudo são flores, a amizade delas não é bem vista pelo Daemon, que faz de tudo para afastar as duas, sempre alegando que a irmã não pode se misturar com pessoas como a Katy, o que a deixa mais indignada ainda. A Dee acaba fazendo uma viagem de última hora e esconde as chaves do carro do irmão e só vai lhe devolver se ele passar um tempo com a Katy e for legal com ela (cara a Dee é a melhor hahaha), e eles acabam se aproximando nesse período, e Katy começa a reparar que há algo errado com os irmãos, como se em algum momentos eles saíssem de foco, uma forte luz aparecesse, coisas estranhas começam a acontecer, e se isso não fosse o suficiente ela é atacada por um homem que nem parece humano e é salva por Daemon, e mesmo tendo se ferido repara que seus ferimentos estão praticamente curados e que Daemon parece ter alguma coisa haver com isso, mas decidi que está sendo paranoica e deixa o assunto pra lá.

Suas aulas começam e ela conhece a Lesa e a Carissa, que se tornam suas amigas na escola, morri de rir com elas, os diálagos são sempre muito divertidos. Katy vai conhecer os trigêmeos Adam, Andrew e Ash que são amigos próximos de Daemon e Dee e que a odeiam logo de cara, e pra piorar tudo Ash se sente a dona do Daemon, o que causa muito ciúme na Katy, ainda mais pelo fato que já se conhecem há muito tempo e que já tiveram um caso no passado. Katy repara que as pessoas sempre mantém distância do grupo e começa a ouvir boatos estranhos em relação a eles.

Em uma caminhada com Daemon, eles acabam discutindo como sempre e ela sai correndo e não vê o caminhão indo em sua direção e quando pensa que está tudo perdido, que vai morrer naquele instante, é como se o tempo parasse, o caminhão está a centímetros de onde está, e ela está intacta e quando olha pra trás vê que é graças a Daemon que ele está fazendo aquilo e seus olhos estão diferentes e uma estranha luz está emanando dele, sai correndo nervosa e sem entender nada e ele a alcança e a segura para que não fuja. Depois que se acalma um pouco Daemon relutante acaba explicando que ele não é desse planeta, que vem de Lux, um planeta de foi destruído pelos seus inimigos, os Arum, e sem opção eles tiveram que vir pra terra. Mas eles vivem escondidos e por isso sempre foi contra que eles tivessem qualquer contato com os humanos, pois era muito arriscado para eles. E pra piorar toda vez que um Luxen usa os seus poderes perto de um humano, eles deixam um rastro de poder nele, e eles ficam super iluminados, holofotes para os Arum, e agora Katy corre perigo e a única forma que tem para se manter viva é ficar ao lado de Daemon até que o rastro desapareça.

Mas eles praticamente só faltam se matar quando estão juntos. Mas ao mesmo tempo que eles se “odeiam”, eles sentem uma grande atração um pelo outro, tem cada cena que você fica arrancando os cabelos, querendo dar na cara de um e no outro, principalmente no Daemon rsrsrs. Tem horas que ele é um fofo com ela, e outras ele é um completo imbecil, literalmente um relacionamento de amor e ódio. Mas você até entende o lado do Daemon, ele cresceu tendo a responsabilidade de cuidar da irmã e dos outros Luxens, e se envolver com um humano é não só se arriscar, como arriscar a todos os outros. É uma relação bem complicada e que nos faz ficar grudados no livro até ver como vai se desenrolar essa situação.

Senti algumas semelhanças com MIB Homens de Preto na história, chega até a ser citado no livro! Tem uma esfera do governo, dentro do Departamento de Defesa (DOD) que sabem da existência de Aliens, todo ser de outro planeta que vive aqui na terra é monitorado por eles. Seu trabalho é fazer com que os humanos continuem sem saber de nada, e cuidar para que os Aliens não saiam da linha, e caso isso aconteça sejam expulsos da terra, ou seja, MIB! kkkk 

A escrita do livro é muito leve, você lê em um dia de boa, lê bem rápido e sem nem sentir, quando vê já acabou e você ta sofrendo pelo próximo!

Daiana Moreira, resenhista e colaboradora do Alquimia dos Romances
                                                             





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faço parte das...

Google+ Followers

Networkedblogs

Views

HOTWords